Beyoncé
Foto: Divulgação

Último single de Beyoncé, ‘Break My Soul’, vira hino da “Grande Renúncia” nos EUA

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Sem lançar um novo álbum desde o icônico “Lemonade” de 2016, a diva Beyoncé lançou na madrugada desta terça-feira (21) o primeiro single de “Renaissance”, seu novo projeto em seis anos e que já chegou fazendo barulho.

Segundo a análise dos fãs nas redes sociais “Break My Soul“,  passa aos ouvintes uma mensagem de incentivo para que “se libertem” da chamada “9 por 5” referindo-se às horas trabalhadas nos cinco dias úteis da semana. “Acabei de sair do meu emprego, vou encontrar algo melhor! Caramba, eles são duros comigo” – é o que diz o verso da canção.

Apelidado de “hino da Grande Renúncia/Demissão” que foi como ficou conhecido o movimento socioeconômico nos EUA pós-pandêmico, em que muitos trabalhadores preferem pedir demissão de seus empregos. Os fãs não pararam de falar, postando memes e tweets que faziam referência à mensagem motivacional de Queen Bey para abandonar a cultura da vida agitada e voltar a “dormir muito bem à noite.”

A música, o primeiro single de Beyoncé desde 19 de junho do ano passado, é bem dançante e lembra um pouco cultura clubber dos anos 1990.

“Libere sua raiva/Libere sua mente/Se liberte de seu trabalho/Libere seu flow/Libere seu comércio/Libere o estresse/Libere seu amor/Esqueça o resto”, disse a letra que expõe a fadiga socioeconômica da pandemia e o desejo de se libertar dela.

No último ano, um número recorde de americanos se ‘libertaram’ de seus empregos por vários motivos: esgotamento da pandemia, desejo de melhores salários ou melhores benefícios ou a necessidade de cuidar dos filhos ou parentes idosos durante a pandemia.

A diferença entre vagas de emprego e candidatos agora é de quase duas vagas para cada trabalhador desempregado, uma situação que o presidente do Fed (Federal Reserve System, o banco central dos EUA), Jerome Powell classificou como “insalubre.”

Na semana passada, o banco central elevou sua taxa básica de juros em três quartos de ponto percentual em uma tentativa agressiva de conter a inflação – mas a medida também pode abalar o mercado de trabalho. Em meio a esse cenário, “Break My Soul” ressoou imediatamente aos fãs – e aos economistas.

Você também pode gostar