Paul Allen
Foto: Reprodução/Robert Sullivan/Flickr

‘Vale Encantado’ de Paul Allen, cofundador da Microsoft, é vendido por R$ 360 milhões

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Principal residência de Paul Allen, o cofundador da Microsoft que morreu em 2018, uma vila com 48 hectares localizada no coração de Beverly Hills, em Los Angeles, acaba de ser comprada por outro bilionário do mundo da tecnologia: Eric Schmidt, o ex-CEO da Alphabet, a holding que controla o Google.

Schmidt pagou US$ 65 milhões (R$ 360 milhões) à vista pela propriedade conhecida como “Enchanted Hill” (algo como “Vale Encantado”), e que, além de todas as características das propriedades de altíssimo padrão de LA, ainda tem a vantagem de ser totalmente cercada por muros com quase quatro metros de altura.

Allen, que há quatro anos sucumbiu a um linfoma não-Hodgkin, um tipo de câncer que ataca o sistema linfático, deixou uma fortuna de mais de US$ 20 bilhões (R$ 110,8 bilhões) que inclui uma coleção de obras de arte avaliada em US$ 1 bilhão (R$ 5,5 bilhões) e mais de US$ 300 milhões (R$ 1,66 bilhão) em imóveis.

Ele também tinha um mega-iate, o Octopus, que está à venda por € 295 milhões (R$ 1,86 bilhão), e era dono do time de basquete The Portland Trail Blazers e do de futebol americano Seattle Seahwaks, que vale quase US$ 3 bilhões (R$ 16,6 bilhões) e, nesse caso, foi doado por Allen em seu testamento para a caridade.

*

Dá um play no vídeo aí embaixo pra ver imagens da “Vila Encantada” comprada por Schmidt:

Você também pode gostar