Publicidade
A empresa foi fundada em 1818 || Créditos: Reprodução
A empresa foi fundada em 1818 || Créditos: Reprodução

A crise causada pelo novo coronavírus levou a centenária Brooks Brothers, a fabricante de roupas masculinas mais antiga dos Estados Unidos, a decretar falência nessa quarta-feira. Fundada em 1818 por Harry Sands Brooks, a marca de moda favorita dos homens americanos e estrangeiros mais chegados em looks clássicos não ia bem das pernas há tempos e atualmente tem dívidas entre US$ 500 milhões (R$ 2,66 bilhões) e US$ 1 bilhão (R$ 5,32 bilhões), mais ou menos o mesmo que atribui aos ativos que lhe restaram.

Dias atrás, a Brooks Brothers já tinha dado início a um processo para renegociar US$ 75 milhões (R$ 399,3 milhões) das pendências que possui com credores, sendo que o maior é a Swiss Garments Company, que também fabrica roupas, para a qual deve US$ 5,2 milhões (R$ 27,7 milhões). A proteção judicial que pediu na manhã dessa quarta em Delaware, onde fica sua sede fiscal, faz parte das negociações recentes.

Apesar dos pesares, a Brooks Brothers – que fatura em torno de US$ 300 milhões (R$ 1,6 bilhão) anuais – tem atraído o interesse de alguns grupos de investidores dispostos a assumir seu controle para reestruturá-la. Frise-se que a empresa não foi a primeira vítima corporativa da pandemia de Covid-19, lembrando que a Neiman Marcus e J. Crew, que há anos também sofriam com o avanço do e-commerce e decretaram falência meses atrás, tiveram suas dificuldades aumentadas pelo mesmo motivo. (Por Anderson Antunes)

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Dia 10 de Abril

Dia 10 de Abril

Altas horas   Ver essa foto no Instagram   Uma publicação compartilhada por VIRAGE (@virage.paris) Não são as...

Instagram

Twitter