Publicidade
Bruno e Thiago Gagliasso || Créditos: Divulgação
Bruno e Thiago Gagliasso || Créditos: Divulgação

Gaiato nível máximo, sorriso aberto, do tipo “deixa a vida me levar”. Assim é Thiago Gagliasso, irmão mais novo de Bruno Gagliasso. Cansado da pressão das comparações, decidiu escrever uma peça baseada em suas experiências como “ator iniciante” e colocou o nome de “Um Quase Gagliasso”. Só esse título já é tirar sarro de si mesmo… “Que nada, pô! É uma brincadeira entre meus amigos, um bordão que a gente criou, uma coisa que eu falo quando vou pedir um convite para um show, por exemplo. Ou quando eu faço piada… ‘Vai devagar porque eu sou um quase Gagliasso’. Tudo bem resolvido. Levo tudo isso na boa”.

“Se eu não fosse Gagliasso, não ganharia o dinheiro que ganhei”

O espetáculo estreou essa quinta-feira na Casa de Cultura Laura Alvim, em Ipanema. Nada mal… “Meu sobrenome já me abriu portas, e já fechou também. Isso porque eu não soube lidar com a responsabilidade. Não me faço de vítima, não. Mas foi uma pressão exagerada, uma exposição exagerada… Como foi um peso para a Giovanna [Ewbank, mulher de Bruno] também. As pessoas diziam que ela não é tão boa atriz quanto ele, mas a gente não tem essa obrigação. Estávamos iniciando uma carreira, e ela é muito dedicada. Eu nem tanto… Não era, agora sou, amadureci. Sei que, quando comecei, ser Gagliasso fez tudo acontecer mais rápido. Se eu não fosse, não ganharia o dinheiro que ganhei. Não vou ser hipócrita, falar que foi tudo horrível… E já comecei como protagonista [na Record]. Mas eu mesmo trouxe pra mim uma exposição desnecessária, como quando participei do reality show ‘A Fazenda’ [em 2011] e teve aquela história com a cabra [Thiago chegou a se descontrolar e bater nos animais]. Errei, mas teve muita fofoca também. Me matriculei no curso do Wolf Maya quando decidi voltar a atuar, mas por causa do trabalho [ele é RP e responsável pelo marketing de diversas festas e eventos cariocas] estava faltando muito. O curso é caro, então decidi sair. Aí já publicaram que eu tinha sido expulso…”

“Nunca foi meu sonho ser o Bruno”

Thiago se explica. “Nunca foi meu sonho, de coração mesmo, ser o Bruno Gagliasso. E as pessoas nunca entenderam isso. E começando a carreira, eu não podia dizer isso. Antes sentia que tinha que responder coisas que não eram a minha opinião. O que estou estranhando nessa nova fase é poder me comunicar melhor. Se aparecer um convite para um personagem incrível na TV, claro que quero fazer, mas ainda não estou à vontade nem no palco, na minha peça. Tive que botar na pista logo, estrear, mas agora que entrei em cartaz é que vou começar a surfar essa onda com mais calma”.

“Ninguém espera mais que eu seja o melhor ator do mundo”

Perguntamos por que chegou a hora de fazer esse espetáculo. “Tem a ver com meu amadurecimento pessoal. Estou numa fase mais calma, namorando, tenho um filho… Ter migrado para o entretenimento [a produtora de eventos] me fez entender o mercado. E já aprendi mesmo a lidar com meu sobrenome. Fora que estou com mais idade, já grandinho para cometer certos erros. Sei que meu irmão e eu temos caminhos diferentes e as comparações são surreais. Fiz um espetáculo para meus amigos. Na estreia foram Bruna Marquezine, Neymar, Thiaguinho… E foi pura diversão. Ninguém espera mais que eu seja o melhor ator do mundo”.

Tipo Selton e Danton

Comentamos que Selton e Danton Mello estão aí, cada um com seu espaço… “Pois é! Encontrei o Danton esses dias e falei isso mesmo com ele. Disse que eu estou de volta e falei sobre eles serem dois irmãos ótimos atores, cada um na sua área”.

“Sou mais alto, graças a Deus”

A gente quis saber, na opinião de Thiago, o que de fato ele tem de parecido com Bruno, e em que eles são mais diferentes. “Meu irmão é mais na dele, sou mais baladeiro. Eu brincalhão, ele mais mal humorado, rabugento. E disciplinado, responsável. Ele leva o trabalho muito a sério. Pra mim demorou a cair a ficha”. Os dois são bonitos, mas quem é mais alto? “Eu, graças a Deus. Mas estou mais gordinho agora. Só que já falei que vou buscar ele, estou correndo pra caramba. A vida de ator pede um corpo em dia”. E quem é o queridinho da mamãe? “Eu, claro. Sou muito mais legal que ele. O Bruno é rabugento mesmo”.

Thiago Gagliasso || Créditos: Divulgação

“Pensava… ‘Cadê meu irmão?’ A gente já teve brigas grandes”

E como é o relacionamento de vocês dois? “O Bruno sempre esteve comigo em um sentido: se eu falar que quero largar tudo e fazer medicina ou virar piloto de avião, ele vai me dizer: ‘Vamos lá, vou te ajudar’. Ele nunca me disse um não. Por outro lado, eu precisava ter tido ele mais comigo diariamente no começo da carreira. Pensava… ‘Cadê meu irmão?’ Mas ele tem uma agenda muito lotada. Eu não compreendia. Ficava muito triste. A gente já teve brigas grandes. É meu terceiro espetáculo e ele nunca tinha ido me ver no teatro. Mas hoje em dia, mais velho, eu entendo… E ele foi me ver nessa peça. Estou aprovado, graças a Deus. Mas zoei ele. Disse que precisei escrever um espetáculo para ele ir me assistir…”

Em tempo: pra quem não sabe, além de atuar e de continuar a tocar os eventos, Thiago trabalha na escola de samba Beija-Flor. “O Gabriel David [sócio de Carol Sampaio e Ronaldo em um camarote na Sapucaí, filho de Anísio Abraão Davi, todo-poderoso da agremiação] é um dos meus melhores amigos. O Anisio é praticamente meu padrinho. Deu carta branca pra gente renovar a programação da quadra. Levamos muita gente legal pra frequentar. Agora com a TransOlímpica [nova via expressa], podemos ir para Nilópolis com mais segurança, apesar do caos do nosso estado. Também tenho um projeto de teatro lá”. (por Michelle Licory)

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Festa Rabanne na NK

Festa Rabanne na NK

  Uma noite em clima disco para celebrar a abertura da Rabanne em sua primeira operação na América...

Instagram

Twitter