|| Créditos: iStock

É Primavera: coloque flores… no prato! De begônia a amor-perfeito, saiba como escolher

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
|| Créditos: iStock

A primavera chegou, glamurette! Que tal aproveitar o clima como inspiração para seu prato? Além de lindo, fica muito saboroso, de verdade, se você incluir certas flores nele. Vem aprender essa alquimia aqui embaixo, com as dicas da nutricionista funcional e holística Isabella Vorccaro. Ah, e ainda é pouco calórico: em média 40 calorias em 100 gramas!

Amor-perfeito: o sabor é levemente adocicado. Cai bem em saladas e sobremesas. Em pratos salgados, dá um ar de sofisticação.

Begônia: mais cítrica, então combina bastante com pratos à base de peixe. Também pode ser cozida.

Calêndula: de sabor leve, fica ótima em saladas e para decorar sobremesas. Também pode ser usada como corante.

Capuchinha: a mais usada nas saladas que levam flores, já que combina bem com pratos frios. Seu sabor fica dividido entre picante e amargo.

Cravo: o gosto é mais apimentado, então combina bem com molhos. Use também para decorar os pratos.

Flor de abobrinha: uma das mais versáteis, já que fica uma delícia de várias formas: frita, empanada, em omeletes…

Flor de cebolinha: seu sabor lembra alho e cebola, por isso é indicada para pratos salgados, como saladas, risotos e carne.

Flor de manjericão: a flor tem quase o mesmo gosto da folha, só que mais leve. Fica ótima em massas que têm molho de tomate.

Hibisco: perfeita para bebidas, sendo que sua versão em chá é a mais famosa. Mas cai muito bem em geleias, já que tem um gosto levemente cítrico.

Lavanda: conhecida por suas propriedades calmantes, seu sabor tem um toque cítrico. Versátil, pode ser usada no preparo de biscoito, bolo, chá, cheesecake, geleias, vinagres, xaropes, entre outros.

Rosa: a mais famosa de todas as flores pode ser usada de várias maneiras. As duas mais tradicionais são para decoração e com as pétalas cristalizadas. Ricas em vitaminas, podem ser usadas em pratos frios e quentes. Combina com bolos, cremes, conservas, mousses, sucos de frutas.

Violeta: seu sabor leve permite a combinação com saladas, geleias, pudim e sorvetes. Pode ser usada in natura, como decoração, ou cristalizada.  (por Michelle Licory)

Você também pode gostar