Cheio de dinheiro e obras de arte, iate de magnata russo aporta em NY

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Mistério em Nova York: um super-iate com quase 133 metros de comprimento ancorado na zona portuária de Midtown Manhattan tem atraído olhares curiosos dos moradores da região. Com cinco andares, várias piscinas e batizada “Serena,” a embarcação pertence ao magnata russo Yuri Scheffler, dono da marca de vodka Stolichnaya.

Há rumores de que Scheffler, assim como vários outros oligarcas russos, estariam transferindo parte de seus bens para o exterior com medo de que as tensões internacionais por conta da crise entre Rússia e Ucrânia acabem afetando os investimentos deles. O iate do empresário estaria recheado de euros, obras de arte e outros objetos de valor.

Scheffler, que pagou US$ 330 milhões pelo iate, controla seus negócios através de uma holding com sede em Luxemburgo, e mantém residência no Reino Unido, graças à cidadania britânica que ele conseguiu recentemente. O presidente da Rússia, Vladimir Putin, já tentou nacionalizar parte dos bens dele em 2003. Nesse caso, melhor prevenir do que remediar. (por Anderson Antunes)

Você também pode gostar