Publicidade
Joyce Pascowitch

O Teatro UOL, no Shopping Pátio Higienópolis, em São Paulo, recebeu nesta quarta-feira (19) a 6° edição do evento “Abraços no Pátio”, um bate-papo anual que visa discutir os impactos solidários, éticos, empáticos, a favor da inclusão e diversidade em todos os pilares da sociedade.

A jornalista Joyce Pascowitch mediou a discussão com três personalidades importantíssimas no assunto: o professor da USP e filósofo Clovis de Barros, o recordista mundial em natação paraolímpico Daniel Dias, além da arquiteta, apresentadora e ativista no combate ao racismo e à violência contra a mulher Stephanie Ribeiro. 

Stephanie Ribeiro abriu a sequência de palestras falando sobre os desafios de ser mulher. A ativista levantou uma discussão em volta das diversas violências que as mulheres sofrem diariamente, seja física ou psicológica, além de exemplificar a pressão do sexo feminino em “ter que dar conta de tudo” e mesmo assim não se sentir suficiente para ocupar bons cargos. 

Em sequência, Joyce Pascowitch chamou ao palco uma das figuras de maior destaque no esporte paralímpico, o nadador Daniel Dias. O campeão deu um show de carisma e iniciou sua palestra com um questionamento pertinente: qual é a importância de dar um sorriso todos os dias e como esse sorriso pode valer ouro na sua vida? O atleta inspirou o público com sua trajetória de vida e ressaltou a importância da felicidade. 

Ao GLMRM, Dias afirmou que participar do evento agregou muito em sua vida e ficou feliz em saber que, de alguma maneira, suas vivências impactaram as pessoas presentes. “São eventos assim que podem fazer a diferença em assuntos tão pertinentes nos dias de hoje”, disse. 

Já a terceira palestra, comandada pelo professor da ECA-USP Clovis de Barros foi uma verdadeira aula de ética e de vida. O filósofo entregou alguns valores fundamentais da vida baseado no “eu”, no “tu” e no “nós”.

“Eu gostei muito mais do que eu ouvi hoje do que o que eu falei. O que eu ouvi me engrandeceu, me trouxe coisas novas. O que eu falei eu meio que já conheço um pouco, não é novidade pra mim. Nesse contexto, achei a fórmula do evento maravilhosa”, disse. 

Diante de uma tarde com grandes talentos e um rico conhecimento, Joyce Pascowitch falou sobre a experiência de mediar o evento. “Eu me senti durante essa hora e meia relevante, fiz parte de algo maior, algo que ajuda muita gente. Não é uma coisa ‘eu, eu, eu’. É algo para envolver todo mundo nessa vibração de aceitar mais a vida da gente e transformar os momentos do dia a dia em momentos felizes”, disse. 

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Dia 12 de Abril

Dia 12 de Abril

Festival de Cannes À medida que o Festival de Cannes se aproxima de seus 80 anos, Thierry Frémaux...
Dia 11 de Abril

Dia 11 de Abril

Fragrâncias de Chanel Pelo terceiro ano consecutivo, a Chanel encanta novamente a capital com seu jardim efêmero durante...

Instagram

Twitter