La Casa de Papel

Quantas vidas você tem?

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

A tão esperada quinta temporada de La Casa de Papel chegou impactante, provocativa e pela metade. Não há spoilers relevantes nesse texto, pode seguir a leitura com tranquilidade.

Nos primeiros cinco episódios lançados dia 3 de setembro pela Netflix, nossos ladrões enfrentam uma guerra grandiosa, vêm o sangue da vida e da morte e nosso coração é posto à prova nos últimos 30 minutos. Eu fiquei sem ar, sem chão e ansiosa por saber que só em 3 de dezembro vamos poder ver a continuação.

Em um dos episódios, o Professor (Álvaro Morte) conta como recrutou cada membro da gangue. Pessoas com habilidades complementares, mas cheias de coragem, esperteza e, basicamente, sem nada a perder. Em uma das falas que persuadiram Tóquio (Úrsula Corberó) a aceitar o plano, o Professor dá esperança dizendo que uma de suas vidas poderia ter acabado, mas não temos uma e sim várias vidas.

Achei lindo isso. Quantas vezes não nos sentimos perdidos, sem rumo, sem forças, sem propósito? Quantas vezes, no entanto, já ressignificamos nosso caminho profissional e pessoal? Eu me coloquei a desenhar quantas vidas eu acho que já vivi, quantas mortes por dentro eu já senti e como é bom acreditar que ainda tenho muitas vidas para errar e acertar. Que o fracasso não me define, nem tampouco o sucesso. Que tudo passa, que pessoas vêm e vão e que eu sigo, escrevendo esse livro.

Assim como com Tóquio, cada vida que vivi deixou um objeto marcante, uma música, um cenário, uma cicatriz, um cheiro. E isso é tão meu… Cada vida que vivi me deixou mais preparada para a seguinte, deixou mais claro o que eu não quero e o que não tolero. Mas cada vida abriu um leque de possibilidades de quem eu ainda posso ser e isso é tão angustiante quanto excitante.

Assista a essa quinta temporada sob esse prisma e reflita sobre suas vidas passadas e por vir.

Daniela Graicar é jornalista e empreendedora, fundadora e co-CEO da agência PROS e criadora do Movimento Aladas, em apoio ao empreendedorismo feminino.

Você também pode gostar