Publicidade
Intenet
Foto: Reprodução/Unsplash

Que todos estejam devidamente conectados. Nesta quarta-feira é dia de celebrar o “World Wide Web Day”, ou “Dia Internacional da Internet”, que foi oficialmente lançada em 17 de maio de 1991. Comemorações mais do que merecidas à parte, a ocasião acabou se transformando mesmo em um convite ao pensamento sobre essa tecnologia que existe há 32 anos, e da qual a maioria de nós é completamente dependente.

Sendo assim, que tal pegar carona na data especial para ponderar sobre o que vem por aí? A seguir a gente listou 5 previsões para o futuro da rede que nem está tão distante assim; confira:

1. Conexões serão instantâneas e permanentes

Lembra dos tempos das conexões discadas, quando não dava para usar a internet e falar ao telefone ao mesmo tempo? Isso se tornou coisa do passado desde a ascensão da banda larga e do Wi-Fi, e em breve esses dois também serão extintos. Isso porque já tem gente desenvolvendo modelos de conexão instantânea, como acontece quando a gente tira o telefone do gancho e ouve o sinal de linha. Esses também ficarão online permanentemente, sendo que já existem lugares no mundo onde a “Internet Universal” está sendo testada e os resultados têm sido os melhores possíveis até agora.

2. Privacidade das pessoas será uma “commodity”

Essa questão meio que já está acontecendo (hello, #FaceLeaks!), mas as mudanças para os próximos anos na área deverão ser drásticas. Com cada vez mais pessoas usando a rede e a interação entre humanos nos quatro cantos do mundo prestes a atingir seu ápice, o aumento dos riscos em relação a tudo que for compartilhado online poderá criar um problema sem precedentes. Nessas horas geralmente surgem aqueles com soluções rápidas e, em muitas vezes, caríssimas. É aí que mora o problema, já que quem aderir a essas novidades poderá acabar contribuindo para a criação de uma elite virtual, algo que vai completamente contra a ideia democratizadora da internet. Na era do “Big Data”, chamado de “petróleo do século 21”, e do qual o produto somos nós, os internautas, esse pepino é um dos mais preocupantes.

3. “Internet das coisas” vai ser integrada ao dia a dia

Pra quem não sabe do que se trata, “Internet das Coisas” entende-se a conexão virtual entre objetos físicos, como veículos, prédios e todos os outros que possuem tecnologia interligada. Nas residências mais modernas já existem sistemas que permitem escolher a temperatura do banho ou controlar a intensidade da luz de certos ambientes antes de se chegar em casa, mas no futuro absolutamente tudo estará conectado. É por isso que tem gente que teme uma eventual revolução das máquinas contra os humanos, como Stephen Hawking bem alertou em 2014. Mas isso é outra história.

4. “Operários virtuais” poderão substituir pessoas

Falando em revolta das máquinas, uma das projeções para o futuro da internet envolve justamente esse tema: máquinas e aplicativos extremamente inteligentes controlados online que poderão roubar o emprego de muita gente de carne e osso. Como tudo tem um lado bom, existem teorias a respeito disso que pregam a ideia de que a necessidade de se trabalhar também vai diminuir, e em algum momento o balanço entre o necessário e o ideal será encontrado. Algo como um mundo com menos médicos e advogados e muita mais pessoas sem precisar dos serviços de ambos.

5. Realidade virtual tornará a internet mais “real”

Se já é possível “viajar o mundo” surfando na rede, daqui um tempo isso ficará ainda mais perto de ser uma realidade. O rápido desenvolvimento e a popularização de ferramentas de inteligência artificiais abrirá espaço para um verdadeiro universo 100% online. O Google e o Facebook estão entre aqueles que mais se aproximam disso, com seus respectivos Google Glass e Oculus Rift. Mas, esse mercado, que já é bilionário, está apenas engatinhando e promete deslanchar de vez nos próximos dez anos. Imagine viver em uma Matrix constante acessível por lentes de contato de realidade aumentada, como aquelas do HoloLens, um gadget para lá de moderno que a Microsoft lançou em 2020?

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Dia 12 de Abril

Dia 12 de Abril

Festival de Cannes À medida que o Festival de Cannes se aproxima de seus 80 anos, Thierry Frémaux...
Dia 11 de Abril

Dia 11 de Abril

Fragrâncias de Chanel Pelo terceiro ano consecutivo, a Chanel encanta novamente a capital com seu jardim efêmero durante...

Instagram

Twitter