Publicidade
Marisa Monte
Reprodução/Instagram

Marisa Monte será embaixadora do USP Diversa, programa de doação voltado para o financiamento de bolsas de permanência estudantil da universidade. Segundo o site da instituição, Marisa visitou a reitoria nesta quinta-feira (15) para se encontrar com o reitor Carlos Gilberto Carlotti Junior e a vice-reitora Maria Arminda do Nascimento Arruda. No encontro, o trio discutiu a realização de ações conjuntas para promover a inclusão social, o acolhimento e a utilização da arte como instrumento de integração e bem-estar.

A cantora falou da importância de incorporar ações afirmativas nas instituições: “O ingresso em uma universidade é algo transformador, não só para a pessoa que entra, mas também para todos os que estão à sua volta. Transforma a vida dos pais, dos irmãos, de toda a sociedade. Aumentar a inclusão e a diversidade é um problema de todos nós, por isso é importante que a sociedade veja o trabalho que a USP faz”.

A artista se comprometeu ainda a participar de campanhas para divulgar o programa USP Diversa e outras ações para sensibilizar a sociedade sobre a importância da inclusão e das políticas de permanência estudantil nas universidades.

“A inclusão é uma coisa que, uma vez que acontece, ninguém tira de você. É algo que reflete na sua vida inteira, não envelhece, só melhora, só cresce e vai refletir nas gerações depois de você, inspirando as pessoas a acreditar que são capazes de viver essa experiência de ter acesso à educação de qualidade”.

Espaço Imaginário no Incor

Marisa Monte também apresentou um projeto, que está sendo desenvolvido por ela com a cardiologista Ludhmila Hajjar, para a criação do Espaço Imaginário Marisa Monte no Incor. O espaço será uma plataforma de vivência artística e cultural para que pacientes, acompanhantes e funcionários desfrutem de um ambiente lúdico que ofereça alívio emocional e redução do sofrimento dentro da rotina de uma instituição de saúde.

Financiado por doações de pessoas físicas e jurídicas, o Espaço Imaginário contará com biblioteca híbrida, tablets, instrumentos musicais, caixas de som e uma programação de atividades culturais e educacionais. Depois de implantado, o modelo deverá ser replicado em outros espaços da USP e de outras instituições.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Dia 17 de Abril

Dia 17 de Abril

3 boutiques de streetwear para descobrir em Paris Embora Paris seja conhecida por suas prestigiosas boutiques de luxo,...
Dia 16 de Abril

Dia 16 de Abril

Corte de patriarcas Já mencionamos esta exposição antes, mas vale a pena destacar a obra “Old People’s Home”...

Instagram

Twitter