Publicidade
Cavernas de gelo do Monte Erebus, Antártica – as cavernas de gelo já são extraordinárias, mas o que faz com que essas sejam ainda mais é excepcionais é que foram criadas pelo vapor que sai do vulcão Mount Erebus, ainda ativo. Essas cavernas não estão na lista das visitáveis, infelizmente. A única maneira de ir lá é fazer parte de uma equipe de pesquisa. Vale a pena!

No universo do turismo de luxo, onde destinos extravagantes como Ibiza, Mônaco e as Maldivas estão tornando-se cada vez mais comuns, a busca por exclusividade e autenticidade nunca foi tão intensa. A elite global de viajantes, composta cada vez mais por millenniais com apetite por experiências únicas, está voltando suas atenções para um destino de extraordinária exclusividade: a intocada e resplandecente Antártica. GLMRM explica…

Por que a Antártica se tornou tão exclusiva?

O continente mais austral do mundo representa uma nova vanguarda no turismo de luxo. Com um ecossistema quase intocado e visitado por mais de 50 mil turistas em 2022, de acordo com a Associação Internacional de Operadores de Turismo da Antártida (IAATO, na sigla em inglês), a Antártica é um bastião de exclusividade e aventura, atraindo um seleto grupo de viajantes que buscam ir além do mainstream.

Em sintonia com as novas gerações

Dada a relevância da conscientização ambiental na atualidade, a Antártica também serve como um vívido lembrete da beleza natural do nosso mundo e das consequências da inação diante da crise climática. Para o millennial endinheirado, cujas escolhas de estilo de vida estão cada vez mais ancoradas em valores de sustentabilidade, o continente apresenta uma oportunidade rara de testemunhar a natureza em seu estado mais puro.

Glamour abaixo de zero

Embora visitar a Antártica exija um investimento considerável, com pacotes de cruzeiros exclusivos custando até US$ 250 mil (R$ 1,23 milhão) por pessoa, o retorno em termos de experiência é inigualável. Esses navios de luxo oferecem desde suítes opulentas com vista para paisagens glaciais até jantares gourmet preparados por chefs renomados, além de expedições guiadas por especialistas mundiais em biologia marinha e glaciologia.

Ciência e esplendor lado a lado

O que realmente eleva a experiência em terreno antártico é a oportunidade de contribuir para o conhecimento científico global. Muitos desses cruzeiros de luxo incluem programas onde os viajantes podem participar de estudos ambientais e coleta de dados, adicionando um elemento de aprendizado e propósito a um já fascinante itinerário de viagem.

Um nicho de mercado em ascensão

Segundo dados mais recentes da IAATO, o turismo na Antártica tem mostrado sinais de crescimento constante, com uma taxa de crescimento anual em torno de 10%. À medida que novas ofertas de viagens mais luxuosas e personalizadas vão surgindo, o interesse pelo “Deserto Branco” apenas aumenta, solidificando seu status como um grande candidato a próximo grande destino para o viajante sem limitações financeiras, principalmente os da turma da Geração Y, que buscam cada vez mais serviços fundamentados em conceitos de autenticidade e exclusividade.

Exclusividade da relevância e do significado

O apelo da Antártica transcende o material. Trata-se de uma oportunidade para uma profunda imersão em um mundo praticamente intocado, permitindo uma forma de autodescoberta que vai além do que qualquer outro destino pode oferecer. Em uma época onde a busca por significado e propósito está no auge, a Antártica oferece uma experiência holística que funde luxo, aventura e sustentabilidade. Mais millennial, impossível.

Ponte aérea de luxo para o inacessível

Para aqueles que consideram o conceito de luxo como algo que não envolve apenas o destino, mas também a jornada até ele, a opção de voos fretados privados para a Antártica garante uma experiência de um nível ainda mais elevado. Dado que não existem voos comerciais para o continente, os viajantes que buscam a última palavra em exclusividade podem reservar um jatinho como o Gulfstream G550, que acomoda até 12 passageiros, pelo total de US$ 360 mil (R$ 1,8 milhão). E mais: há opções de voos fretados com itinerários de 24 horas, tempo suficiente para um vislumbre do continente gelado sem o compromisso de uma estadia prolongada

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Festa Rabanne na NK

Festa Rabanne na NK

  Uma noite em clima disco para celebrar a abertura da Rabanne em sua primeira operação na América...

Instagram

Twitter