Sabe no que Patricia Viera se inspirou para o desfile desse domingo?

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Glamurama conversou com Patricia Viera, nesse domingo, nos bastidores do desfile da estilista no Copacabana Palace, no Rio, e descobriu que a inspiração para a coleção veio de Nova York. "Fui pra lá com o Felipe [Veloso]. É uma cidade que tem todo tipo de coisa: brechó, perua, a cultura de rua muito forte… O resultado foi uma mistura: a cintura marcada dos 1950, a linha A dos 1960, a boca de sino dos 1970, mais o verniz e o exagero dos 1980. Pra completar, Felipe, que me leva para o ano 2020. Ele me dá exercícios, me instiga e fez a minha marca ficar mais jovem."
* Patricia agora também conta com a ajuda da filha, Andrea Baptista, na empresa. "Eu sou mais emotiva e gosto dessa coisa de sentar e costurar. Ela é mais racional." Família unida é assim: Harley Viera-Newton, sobrinha da estilista, foi convida para ser a DJ do desfile. Uma modelo faltou e ela assumiu o lugar vazio. Andrea Dellal, irmã de Patricia, estava na primeira fila e ainda levou o rolling stone Ronnie Wood a tiracolo, causando o maior burburinho. "Ela sempre foi minha musa, desde os 3 anos", contou a estilista. Só faltou mesmo Alice Dellal, que a princípio estaria presente. "Ela está fazendo um filme na Europa e teve que voltar antes." Em tempo: Bethy Lagardère, Camila Morgado, Maitê Proença, Claudio Gomes, Christiane Torloni e Michael Roberts também estavam entre os convidados da promoter Patricia Brandão.
Desfiles desse domingo do Fashion Business: qualidade e estilo na passarela
Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…