Liev Schreiber || Créditos: Getty Images

Liev Schreiber vai ter que se explicar para a justiça de NY por suposto empurrão que deu em paparazzo

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Liev Schreiber || Créditos: Getty Images

O “desencontro” que Liev Schreiber teve com um paparazzo em junho durante uma passagem por Nyack, nos arredores de Nova York, terminou em processo. Nesta terça-feira, o ator deverá se apresentar à justiça de lá para explicar o suposto empurrão que deu no fotógrafo que o flagrou deixando o set de filmagens da elogiada série criminal “Ray Donovan”, estrelada por ele e exibida nos Estados Unidos desde 2013 pelo canal “Showtime”, e por quem agora é acusado de agressão física.

Jonathan Ripps, o advogado de Schreiber, afirma que seu cliente não infringiu nenhuma lei e que apenas tentou proteger o rosto dos flashes que o pegaram de surpresa com uma reação natural. Caberá às autoridades nova-iorquinas, no entanto, decidir quem tem razão, porém esses casos geralmente terminam em acordos entre as partes envolvidas.

Ironia das ironias, “Ray Donovan” – que, aliás, tem trilha sonora do brasileiro Marcelo Zarvos – conta a história justamente de um “faz tudo” interpretado pelo ex de Naomi Watts que é particularmente bom em tirar celebridades de todas áreas das mais variadas encrencas, tipo aquelas cujos detalhes renderiam manchetes por semanas a fio. Apesar de se passar em Los Angeles, a atração tem parte de suas cenas gravadas em cidades vizinhas de NY. (Por Anderson Antunes)

Você também pode gostar