Publicidade

Glamurama foi conferir a exposição “Cubo Cor”, de Mônica Nador, na Luciana Brito Galeria, que abre oficialmente neste sábado. Por lá, Mônica, ao lado de Luciana, recebeu convidados e explicou que as obras não são apenas dela e, sim, como a própria artista define, uma autoria compartilhada. “Os meninos fazem tudo comigo”, comenta, sobre os rapazes do Jamac, um centro cultural criado por ela na periferia de São Paulo.

* Além dos trabalhos em tela e papel, a artista ocupou quatro paredes da galeria com a técnica do estêncil, criando imagens sobrepostas incríveis, que causam ilusões de ótica. Aliás, toda a obra de Mônica, assim como todo o processo de produção da artista e do Jamac, estarão em um catálogo produzido pela Pinacoteca do Estado, que deve ser lançado no começo do ano que vem.

Mônica Nador: preview para poucos

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Ping Pong por Cris Dios

Ping Pong por Cris Dios

Cris Dios é apaixonada pela natureza, pela cosmetologia natural e pelo cuidado com os fios de forma saudável....

Instagram

Twitter