Marcos Proença, o rei das tesouras no Brasil
Marcos Proença, o rei das tesouras no Brasil || Créditos: Alexandre Virgilio / Getty Images

Marcos Proença entrega tendências, produtos e suas musas inspiradoras

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Marcos Proença, o rei das tesouras no Brasil  ||  Créditos: Alexandre Virgilio / Getty Images
Marcos Proença e alguns cabelos que são pura inspiração|| Créditos: Alexandre Virgilio / Getty Images

Marcos Proença deu um rasante na Casa Glamurama nesta semana e aproveitamos para bater um papo com o hairstylist que cuida do cabelo das celebridades e glamurettes. A conversa rendeu, e abaixo listamos as tendências, os cortes, as cores, produtos, acessórios e,  claro, as mulheres que têm os cabelos mais desejados do mundo. Vamos lá?

(Por Fernanda Grilo)

Tesouradas

Os long bobs da vez: Reese Witherspoon, Kate Hudson, anne hathaway e Taylor Swift  ||  Créditos: Getty Images
Os long bobs da vez: Reese Witherspoon, Kate Hudson, anne hathaway e Taylor Swift || Créditos: Getty Images

O corte que definitivamente mudou o jeito de pensar da brasileira tem a base reta e comprimento na altura do ombro, ou um pouco abaixo. As brasileiras ainda usam o cabelo comprido, mas agora é comum, normal e confortável ver uma mulher de cabelo no ombro, base bem reta e a frente um pouco maior na lateral para não ficar arredondado. “Isso é moderno, cool, invernal. Por anos viajei por vários países e as pessoas identificavam as brasileiras pelo cabelo porque era gigante e comprido. Hoje não se vê mais isso”.

Da raiz às pontas

Considerando que no inverno as mulheres tomam menos sol e não ficam tão bronzeadas, logo é preciso aquecer a cor, então ou a mulher é castanha e tem uma luminosidade com mechas em tom de mel ou fica loira mais dourada, manteiga. Mas não o platinado cinza, que pode envelhecer. “O fio é loiro claríssimo, mas com um toque dourado”, explica Proença.

Alta temperatura

Gisele Bündchen e suas luzes mais altas: tendência  ||  Créditos: Reprodução Instagram
Gisele Bündchen e suas luzes mais altas: tendência || Créditos: Reprodução Instagram

Enquanto é frio por aqui, lá no Hemisfério Norte as mulheres se preparam para o verão. Marcos Proença, que está sempre viajando, já detectou o que está em alta por lá. “Vi mulheres com cabelo com luzes mais próxima da raiz. A ideia do cabelo com cara de ‘não fiz’, com ponta clara, nada na raiz ou queimado de sol parece uma estética velha”, conta o hairstylist. Quem adotou esse novo estilo foi Gisele Bündchen, e várias modelos importantes e mulheres sofisticadas estão com luzes mais para cima também, segundo Proença. Além das luzes, os penteados também estão subindo. “Ficamos anos fazendo cabelo para baixo no estilo boho, gipsy e prendendo só um pouco. Esse ainda é um estilo, mas os coques que foram febre há cinco anos estão voltando”, conta.

Queridinhos da vez

Elixir Ultime Oléo Complexe da Kérastase R$180 www.kerastase.com.br; Siàge shampoo a seco controla a oleosidade Eudora R$27 loja.eudora.com.br; Moroccanoil Treatment Light - Óleo Capilar R$264 www.belezanaweb.com.br;  e L'Oréal Professionnel Mythic Oil Concentré Oil Bar R$132 www.belezanaweb.com.br  ||  Créditos: Divulgação
Elixir Ultime Oléo Complexe da Kérastase, R$ 180, www.kerastase.com.br; Siàge shampoo a seco Eudora, R$ 27, loja.eudora.com.br; Moroccanoil Treatment Light – Óleo Capilar, R$ 264, www.belezanaweb.com.br; e L’Oréal Professionnel Mythic Oil Concentré Oil Bar, R$132, www.belezanaweb.com.br || Créditos: Divulgação

“O produto que as mulheres estão in love é o shampoo a seco”, decreta o cabeleireiro. Mas ele explica que não é apenas para “lavar” o cabelo. Atualmente eles são usados para criar textura e ativar a cor, porque são à base de talco e dão a impressão de mais brilho. Uma dica é aplicar nas luzes para que fiquem mais claras. Nessa tendência, o mousse e o pó perderam a vez.

Outra dica preciosa: dormir com óleo próprio para os fios ajuda a cuidar do com frizz. “À noite o fio recebe melhor os nutrientes. Aplica, penteia e dorme, mas só no comprimento e nas pontas”, explica Proença. Nem todas as mulheres vão precisar lavar, já que em alguns casos o cabelo acorda com ondas e disciplinado. O ideal é usar dia sim, dia não.

Os produtos sem parabeno e amônia e os orgânicos atualmente estão em alta. “As pessoas estão desejando o que tem menos química. O Brasil ainda é mais atrasado, mas as consumidoras estão mais ligadas, escolhendo coloração com menos química e os médicos também já estão indicando”, diz Marcos.

Direto das passarelas

Os produtos de Proença em parceria com a Lool e os desfiles de McQueem e D&G: acessórios em alta  ||  Créditos: Divulgação / Getty Images
Os produtos de Proença em parceria com a Lool e os desfiles de McQueem e D&G: acessórios em alta || Créditos: Divulgação / Getty Images

Acessórios em alta! Prada e Alexander McQueem usaram em seus últimos desfiles e o próprio Proença lançou uma coleção em parceria com a Lool. “Cada vez mais as pessoas estão usando os acessórios no cabelo, mudando o jeito de prender. Até um tempo era algo esquecido, e agora elas voltaram a usar: em festas e no dia a dia”, conta.

Erro fatal

Franja em cabelo cacheado é muito perigoso, conta o hairstylist. “É um risco!” Outra dica dele é não fazer mechas antes de 40 a 50 dias e, no cabelo inteiro, só duas vezes por ano. Além disso, tomar cuidado com mechas brancas. Não manter esse tipo de mecha por muito tempo.

Você também pode gostar