Tony Ramos em "A Regra do Jogo"
Tony Ramos em “A Regra do Jogo” || Créditos: TV Globo

Enfático, Tony Ramos rebate crise em “A Regra do Jogo”. Leia aqui

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Tony Ramos em "A Regra do Jogo" || Créditos: TV Globo
Tony Ramos em “A Regra do Jogo” || Créditos: TV Globo

Glamurama aproveitou um encontro com Tony Ramos no Rio para tirar a limpo com um dos maiores símbolos de credibilidade da TV brasileira todos esses rumores de crise em “A Regra do Jogo”. O ator não fugiu da raia. Mas ele, sempre tão afável, mudou o tom doce para um bem enfático. Vem ler! (por Michelle Licory)

Glamurama: A Globo tem passado por mudanças, concorda?

Tony Ramos: “Mesmo que erremos, vamos acertar. A Globo sempre acreditou na criatividade e merece todos os louros. Ainda somos os primeiros.”

Glamurama: Sim, mas a audiência da novela está abaixo do esperado.

Tony Ramos: “A novela mostra comportamentos muito estranhos, uma psicologia doentia e faz uma analogia com o que é impunidade e poder, revela o funcionamento de uma facção. O público estranhou.”

Glamurama: A emissora acabou perdendo mais espaço para “Os Dez Mandamentos”, da Record.

Tony Ramos: “É bom que isso tenha acontecido. A concorrência com outro canal é saudável para todo mundo. Para o ator, para a emissora, para o público. Não pense você que isso é triste. É ótimo para a coletividade. A disputa é pulsante, boa. Um só não é bom.”

Glamurama: E sobre os rumores de sérios desentendimentos nos bastidores da novela?

Tony Ramos: “Falaram que teve briga. Eu nunca vi. Que dia foi? Ninguém diz. Só vi discussão normal; a Amora [Mautner, diretora] discordar, pedir para regravar alguma cena. Mas nada disso.”

Glamurama: Disseram até que a Cassia Kiss deixou o elenco por estar insatisfeita com a direção.

Tony Ramos: “Mentira! Estou categoricamente dizendo que ela sabia desde o início que ia sair até o capítulo 50. Li a sinopse. Eu sei. Olhando do seu olho, te digo isso: nada mudou. Está acontecendo tudo de acordo com a sinopse. Inclusive a entrada da mulher do Orlando [Carolina Dieckmann/ Du Moscovis]. O João [Emanuel Carneiro, autor da trama] é cheio de surpresas. E posso dizer que vão acontecer mais duas.”

Glamurama: Então nada mudou por conta do Ibope ruim?

Tony Ramos: “Não teve mudança. Estou com a mesma barba, o mesmo cabelo.”

Glamurama: Na festa de lançamento da novela, você disse que o Zé Maria era inocente. Já sabia que ele seria do mal?

Tony Ramos: “Claro que eu sabia. Sei tudo até o último capítulo. O Zé Maria é assustador. Ele e o Juliano [Cauã Reymond] são o grande mistério da novela. Mais que isso não falo.”

Você também pode gostar