Ellen DeGeneres
Ellen DeGeneres || Créditos: Reprodução

Ellen DeGeneres volta a causar nos EUA com relato de experiência com produto à base de maconha

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Ellen DeGeneres
Ellen DeGeneres || Créditos: Reprodução

Ellen DeGeneres voltou a causar nos Estados Unidos nessa semana, dessa vez levando até mesmo muitos de seus fãs à ira. Entrevistada por Jimmy Kimmel no episódio do talk show dele que foi ao ar na noite dessa quarta-feira por lá, a apresentadora e comediante contou uma história sobre uma experiência que teve em casa com a mulher, a atriz Portia de Rossi, não faz muito tempo.

Segundo DeGeneres, as duas estavam em seu château localizado em Montecito, na Califórnia, quando decidiram provar alguns drinks da marca americana Cann, que produz bebidas à base de canabidiol (CBD) e tetrahidrocanabinol (THC), dois canabinoides presentes na composição da maconha.

Estava indo tudo bem, até que elas acharam que seria uma boa ideia misturar as “iguarias” com comprimidos de melatonia, um indutor natural do sono. “Eu tomei dois comprimidos [de melatonina] e a Portia também, e quando percebi ela estava gemendo no chão do banheiro”, relembrou DeGeneres.

A partir daí, a estrela do “The Ellen DeGeneres Show” resolveu ir checar a companheira, que encontrou “de quatro” perto da privada, e então decidiu levá-la de carro a um hospital. DeGeneres contou no bate papo com Kimmel que fez isso sozinha, razão pela qual muita gente a está criticando.

“Isso é privilégio puro e simples, não aguento mais essa chata”, um usuário do Twitter comentou sobre o relato dela. Outros simplesmente acharam que combinar os produtos da Cann com direção, algo que a própria empresa não recomenda, foi um grande erro da parte de DeGeneres, cuja popularidade continua em baixa por causa das revelações de seu estilo “chefe dos infernos” nos bastidores. (Por Anderson Antunes)

Você também pode gostar