Claude Troisgros
Claude Troisgros || Créditos: André Ligeiro

Claude Troisgros ganha mais um troféu: “Na França seria só mais um”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Claude Troisgros || Créditos: André Ligeiro
Claude Troisgros || Créditos: André Ligeiro

Claude Troisgros tem mais um troféu para sua coleção. Acaba de ser anunciado, na manhã desta terça-feira, que o chef levou a melhor na categoria Diners Club Lifetime Achievement Award da premiação Latin America’s 50 Best Restaurants, marcada para 26 de setembro na Cidade do México. “Desde que cheguei ao Brasil, há 37 anos, me dedico a valorizar o produto brasileiro, os pequenos produtores do país e a formação de uma mão de obra para uma cozinha mais contemporânea. Acredito que esse prêmio é um reconhecimento dos profissionais do setor para este trabalho importante que vem sendo feito durante esses anos todos”, nos disse Claude.

Será que o chef, um sucesso tão grande por aqui, às vezes se pergunta o que teria acontecido se tivesse ficado na França? “Não tenho dúvidas de que cheguei ao Brasil na hora certa, em um momento em que o país estava saindo do regime militar, pronto para abrir suas portas, principalmente na área artística – no meu caso, a arte gastronômica. O Brasil me acolheu de braços abertos e me deu a oportunidade de criar uma sinergia entre a minha tradição familiar francesa com os produtos maravilhosos daqui. Penso que certamente não teria tido essa oportunidade ficando na França. Lá eu seria só mais um membro do clã Troisgros”.

E esse carisma todo que fez Claude ser também campeão de audiência na TV a cabo? Isso interfere no reconhecimento do trabalho em si pela crítica? “Não sei responder a essa pergunta porque não sei ser diferente.. A imagem de chef carrancudo é coisa do passado, exagerada. A nossa profissão tem como principal filosofia dar prazer ao outro, isso não pode gerar infelicidade”. (Por Michelle Licory)

Você também pode gostar