Aqui, os quatro bilionários que aumentaram suas fortunas em 2015

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
cine_bilionarios
Acima, Eduardo Saverin e Michael Bloomberg; abaixo, Travis Kalanick e Jeff Bezos || Créditos: Getty Images

Quando o assunto é dinheiro, o grande vencedor do ano é o fundador e CEO da Amazon, Jeff Bezos, que viu sua fortuna pessoal aumentar em impressionantes US$ 29,5 bilhões (R$ 110,1 bilhões) desde março, graças à supervalorização de mais de 117% das ações da varejista online na bolsa. Bezos, que começou o ano ocupando a 15ª posição entre os donos das maiores fortunas do planeta na lista da revista “Forbes”, com um patrimônio total de US$ 34,8 bilhões (R$ 129,9 bilhões), vai terminar 2015 como o quarto homem mais rico do ranking elaborado pela publicação, agora com um patrimônio pessoal de US$ 58,4 bilhões (R$ 218,1 bilhões).

O segundo bilionário que mais ganhou dinheiro em 2015 foi o ex-prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, dono da empresa de mídia especializada em notícias econômicas que leva seu sobrenome, e cuja fortuna aumentou de US$ 35 bilhões (R$ 130,7 bilhões) em março para os atuais US$ 40,5 bilhões (R$ 151,2 bilhões). Quem também se deu bem no ano foi o empresário americano Travis Kalanick, cofundador do Uber, cuja fortuna aumentou 100% de março para cá e hoje soma US$ 6 bilhões (R$ 22,5 bilhões).

Já entre os brasileiros, o maior ganhador foi Eduardo Saverin, cofundador do Facebook. O brasileiro tinha US$ 4,8 bilhões (R$ 17,9 bilhões) há nove meses e graças à boa performance do Facebook na bolsa, hoje possui uma fortuna de US$ 6,4 bilhões (R$ 23,9 bilhões), o que indica um ganho de US$ 177 milhões (R$ 660,9 milhões) por mês no período, quase US$ 6 milhões (R$ 22,4 milhões) por dia ou US$ 247 mil (R$ 922,3 mil) por hora. Que tal?

(Por Anderson Antunes)

Você também pode gostar