Publicidade
O lar de Elizabeth e Philip em Malta || Créditos: Reprodução / Getty Images
O lar de Elizabeth e Philip em Malta || Créditos: Reprodução / Getty Images

O início da vida conjugal de Elizabeth II e o príncipe Philip foi em Valetta, em Malta, onde eles viveram longe dos holofotes entre 1948 e 1951. E lá eles eram felizes, tanto que só voltaram para o Reino Unido por causa da morte do Rei Jorge VI, no início de 1952, quando ela teve que assumir o trono de forma inesperada. Agora, o imóvel avaliado em  £ 5 milhões (cerca de R$ 26 milhões), foi comprado pelo governo de Malta que vai transformá-lo em um centro cultural para alimentar o turismo por lá.

Em determinada oportunidade, a rainha disse que o tempo que passou morando na vila – a propriedade que chamou de lar fora da Grã-Bretanha – foi a mais feliz em sua vida e ofereceu ao casal uma vida relativamente comum antes de se tornar rainha.  Foi lá que Elizabeth comemorou seu 60 anos, em 2007, e também demonstrou sua tristeza ao visitar Malta em 2015 e não conseguir entrar no local que estava abandonado: “Parece muito triste agora”, disse ela na ocasião. A ex-presidente maltesa Marie Louise Coleiro presenteou a rainha e o duque com uma aquarela de Villa Guardamangia durante a viagem, lembrando-os de sua estadia. E a passagem deles na cidade é tão importante que foi retratada até na série “The Crown”, na Netflix. Se quiser ver mais fotos, clique aqui.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Dia 10 de Abril

Dia 10 de Abril

Altas horas   Ver essa foto no Instagram   Uma publicação compartilhada por VIRAGE (@virage.paris) Não são as...

Instagram

Twitter