18.10.2017  /  13:13

Zé Celso comemora 80 anos com montagem da peça “oswaldiana” “O Rei da Vela”

José Celso Martinez Correa preparado para a versão 2017 de “O Rei da Vela” e dois cliques da montagem original de 1937 || Créditos: Divulgação

A partir do dia 21 deste mês o Sesc Pinheiros recebe o espetáculo “O Rei da Vela”, criado pelo Teatro Oficina a partir da obra de Oswald de Andrade, que celebra em 2017 o aniversário de 50 anos da primeira montagem. A direção é de José Celso Martinez Correa e o espetáculo será apresentado no Teatro Paulo Autran até 19 de novembro. O projeto serve para comemorar também os 80 anos de Zé Celso e Renato Borghi, que vão contracenar com o cenógrafo Hélio Eichbauer, criador do cenário com palco giratório e painéis artísticos idênticos aos usados cinco décadas atrás.

Escrito por Oswald de Andrade em 1933 e publicado em 1937, o texto foi adaptado para o teatro e, posteriormente, para o cinema. A primeira encenação coincide com a explosão da Tropicália e do movimento de descolonização do Brasil na Primavera Cultural de 1967, em plena ditadura militar. Um clássico de Oswald!

“A peça tem o poder de acender a vela da percepção no labirinto dos nossos cérebros, intestinos, sexos, corpos e despertar o apetite de devoração deste estado de espera imposto pelas crises. O espetáculo foi uma desenfreada descoberta crítica do Brasil, uma implacável e impiedosa revisão de valores que começava agredindo a nós mesmos, numa etapa de um vertiginoso processo de libertação de preconceitos e formação cultural colonizada. A peça foi uma forma de realizar uma radiografia do país, revelando sua podridão, seu tecido interno canceroso e assim mesmo resistente porque se renovava em nossa passividade e em nosso ingênuo conformismo”, diz Zé Celso, numa análise de 50 anos atrás que encaixa perfeitamente no que estamos vivendo em pleno ano de 2017. Imperdível!

O REI DA VELA
De 21 de outubro a 19 de novembro de 2017. Sábados, às 19h e domingos, às 18h
Local: Teatro Paulo Autran (1.010 lugares)
Ingressos: R$ 50 (inteira), R$ 25 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência) e R$ 15 (credencial plena do Sesc: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes).
Duração: 3h30
Recomendação etária: 16 anos