05.08.2015  /  11:34

Walcyr Carrasco diz não ter freios morais e fala de Gilberto Braga

cinewalcyr
Walcyr Carrasco e os atores na pele de seus personagens em “Verdades Secretas”: Marieta Severo, Grazi Massafera, Drica Moraes, Camila Queiroz e Rodrigo Lombardi || Créditos: TV Globo/ Divulgação

Por Michelle Licory

O megaempresário Alex [Rodrigo Lombardi] e a adolescente Angel [Camila Queiroz] vão se tornar amantes em “Verdades Secretas”. Para quem não acompanha a novela das onze, ele é marido da mãe da menina [Drica Moraes]. Mas conheceu Angel antes do casamento, pelo “book rosa”. Modelo em início de carreira, ela aceitou se prostituir, com o apoio da agência, mesmo sendo menor de idade. Pesado, né? “Ao escrever, não me coloco freios morais”, nos diz Walcyr Carrasco, autor da trama.

“Coragem artística”

A gente quis saber, em sua opinião, em dias de boicote a outra novela, “Babilônia”, por conta de – entre outras coisas – um romance gay entre duas senhoras, por que “Verdades Secretas” é um sucesso mesmo com tanta cena – aí sim – de revirar o estômago. Walcyr? Chamou o colega Gilberto Braga de corajoso.

“Eu prefiro não comparar minha novela com a das nove. Adoro o trabalho do Gilberto, sou seu fã de carteirinha. Como autor, não creio que uma novela deva ser avaliada por um eventual problema de audiência, mas por sua qualidade. E também coragem artística. ‘Babilônia’ tem uma profunda coragem artística. E eu admiro demais essa coragem. Eu também gosto de criar livremente.”

Dona Nenê como cafetina

Tudo bem, Walcyr, sem comparações. Mas então a que atribuir o sucesso de sua trama? “Sabe, eu acho que temos vários motivos para o sucesso: o tema que é surpreendente, nunca havia sido abordado por uma novela; a estética do Mauro Mendonça Filho, o diretor, que é magnifico e inovador. E um elenco primoroso, de primeira linha, surpreendente. Acho que ninguém imaginava que depois de 14 anos como dona Nenê na ‘Grande Familia’, Marieta Severo faria uma dona de agência cafetina como a Fanny.  Ou o [Reynaldo] Gianecchini um sujeito sem escrúpulos, o Lombardi um obcecado, e a Drica voltar à TV, ah, isso é um presente!”

“Se entregou, sem medo”

Sobre uma das verdades secretas da trama… “O Alex é um retrato de um tipo de empresário que existe em São Paulo. Pelo que pude entender, na minha pesquisa, o book rosa existe sim, só que muitas vezes de forma velada. Tipo uma companhia para passar o fim de semana.” Perguntamos também sobre o desempenho de Grazi Massafera, que vive uma modelo em fim de carreira, mal sucedida, que faz programa e está cada vez mais no fundo do poço por conta de drogas pesadas. Um superpapel para uma atriz que sempre teve seu talento questionado pela crítica… Quem assiste, sabe: ela está incrível. “Ela é uma atriz maravilhosa, de um talento inacreditável. Muitos atores são criticados em início de carreira porque precisam amadurecer um pouco, talvez. Mas se esse foi o caso da Grazi, definitivamente ela superou essa fase! É incrível como ela se entregou à personagem, sem medo, sem querer ser mais um rosto bonito, inclusive mudando fisicamente. Está muito mais magra, justamente para passar verdade à personagem.”