Vitorino Campos || Crédito: Glamurama

Vitorino Campos combina tecnologia com artesanato em nova coleção da Animale

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0
Vitorino Campos || Crédito: Glamurama
Vitorino Campos || Crédito: Glamurama

A Animale, sob o olhar de Vitorino Campos, abriu mais uma vez a semana de moda paulistana e propõe muita sensualidade para o próximo verão. Aliado à tecnologia, o estilista usou técnicas como estampas digitais – originalmente, uma estampa de listras foi feita por um artista italiano, depois foi digitalizada e maximalizada ou minimizada -, e até a combinação de dois tecidos para formar um print. E o artesanato não fica de fora da coleção criada por Vitorino, já que algumas peças são cortadas a mão para formar recortes assimétricos dos mais sexy.

Inspirado no Café Society, um grupo que trouxe luxo e elegância entre os anos 1920 e 1960 e se dividiam entre Paris, Londres e Nova York, um dos elementos que Vitorino trouxe à passarela foi a alfaiataria: “É lindo ver as fotografias do Café Society quando você tem mulheres de alfaiataria e homens de roupão, próximos à piscina em dias ensolarados”, conta o estilista. Além disso, o universo navy e o esportivo foram ponto de partida para esta estação. Para finalizar o caldeirão de referências, ele incluiu a sensualidade, que “faz parte da marca”. “Toda mulher gosta de se sentir sensual”, finalizou. Abaixo, alguns looks do desfile da marca, que aconteceu nesta segunda-feira, no Parque Cândido Portinari, em São Paulo.

[galeria]2556151[/galeria]