24.10.2017  /  10:34

Verena Smit faz intervenção artística em campanha contra o câncer de mama

Iniciativa do Instituto Avon reuniu 10 mulheres com o objetivo de usar a arte como forma de alertar e zelar pela saúde da mulher || Créditos: Divulgação

Durante o Outubro Rosa, o Instituto Avon reuniu mulheres ligadas à causa do câncer de mama para um ensaio fotográfico com o objetivo de falar sobre o cuidado com a vida. A intervenção artística é assinada pela artista plástica e fotógrafa Verena Smit.

A campanha usa a expressão artística de cada uma das dez mulheres escolhidas para contar suas diferentes histórias, experiências, relações e impressões sobre a doença. Entre as representantes temos Luiza Brunet, Andrea Zanin, Silvia Carvalho, Clarisse Galli, Dra. Rita Dardes, Zezé Motta, Luzinéia de Oliveira, Sabrina Parlatore, Laura Wie e Marcelle Domingues, todas retratadas pelas lentes de Camila Svenson.

No trabalho, Verena Smit trouxe por meio de um poema bordado o sentimento, a sutileza e a presença de cada uma das mulheres. Já as flores trazem a leveza, esperança, o brotar, o renascer e florescer.

“Tenho uma pessoa muito próxima e importante para mim que recentemente foi diagnosticada com câncer de mama. Uma mulher jovem, cheia de saúde e com planos de ter filhos em breve. De repente foi tudo por água abaixo. Fazer este trabalho foi uma maneira de mostrar a minha solidariedade com quem está passando por isso também. É um tema muito importante e delicado, porém a medicina avançou muito e há cura, sim. Essa é a parte bonita, da esperança e da vontade de viver”, destaca Verena Smit.

As obras, com intervenção artística da Verena Smit, estarão disponíveis para venda na Godê Galeria e a renda será revertida para instituições parceiras do Instituto Avon, entre elas a UNACCAM.

“Há 14 anos o Instituto Avon abraçou o combate ao câncer de mama como foco de seu investimento social e desde então atua para que o diagnóstico precoce seja acessível para todas as mulheres. A parceria com a Verena Smit nos ajuda a ampliar o alcance da nossa mensagem com o viés da arte, para lembrar-nos da importância de falarmos a respeito do câncer de mama, dando visibilidade à luta e engajamento das mulheres que participaram conosco”, destaca Daniela Grelin, gerente sênior do Instituto Avon.