13.11.2017  /  14:36

“Verdade Tropical”, de Caetano Veloso, ganha edição comemorativa com capítulo inédito

Caetano Veloso || Créditos: Divulgação

Após 20 anos do seu primeiro lançamento, “Verdade Tropical”, livro de Caetano Veloso, volta às livrarias do país com edição comemorativa. Com projeto gráfico redesenhado, a nova edição inclui um texto inédito escrito especialmente para este novo volume. Trata-se do capítulo “Carmem Miranda não sabia sambar”, no qual Caetano pondera sobre as duas décadas que se passaram entre o lançamento do livro, em 1997 e os dias de hoje.

Aos 75 anos, o artista analisa assuntos relacionados à cultura, política e identidade do país, além de se debruçar sobre sua trajetória musical e literária para um acerto de contas com suas experiências pessoais. A intenção de não se limitar a uma autobiografia.

O novo capítulo se torna fundamental ao lado das memórias, ensaios e histórias reunidas no livro desde sua 1ª edição, que parte de Santo Amaro, na Bahia, onde Caetano leu Clarice Lispector, ouviu João Gilberto e teve sua primeira relação sexual. Depois atravessa sua adolescência, a prisão em 1968 e o exílio em Londres até chegar à década de 90.

Capa da edição comemorativa de “Verdade Tropical”, de Caetano Veloso || Créditos: Divulgação

Em trecho do livro, Caetano diz: “Vinte anos depois, VT [“Verdade Tropical”] me parece menos respeitável como um livro entre livros do que pôde parecer a Roberto Schwarz, embora eu ache graça em muitos aspectos da minha prosa e reconheça haver nele mais verdade do que o crítico supõe.” (…) “Quando ele saiu, lancei um disco de que gosto mais criticamente do que de ‘Fina Estampa’, embora o ache bem menos agradável de ouvir: chamei-o de Livro”.

A edição já está à venda nas principais livrarias do país e pelo site da Livraria Cultura por R$ 69,90. Para ouvir a playlist do livro, com mais de 200 músicas, acesse este link: bit.ly/PlaylistVerdadeTropical.