06.07.2016  /  17:56

Um certo aplicativo pode roubar o trono do Snapchat na Ásia. Qual?

snap-snow
Comparativo do Snapchat com o Snow: coincidência? || Crédito: Reprodução

Ele envia imagens e vídeos de até 10 segundos que se autodestroem, filtros divertidos, desenhos e stickers para deixar tudo mais irreverente, e tem um espaço para ver a história e os momentos de seus amigos. Achou que estávamos falando do Snapchat, né? Pois não é nada disso. Esse é o Snow, aplicativo que vem ganhando fama na Coreia do Sul a cada dia que passa – nos primeiros quatro dias após o lançamento, foram feitos mais de 30 milhões de downloads! E não é só lá. Segundo Han Dong-Keun, filho do criador da empresa de internet Naver, o Snow poderá render vários frutos na China, país vizinho e que tem o Snapchat bloqueado por lá.

Glamurama testou o Snow e, de fato, o aplicativo não passa de uma versão tão bem produzida quanto o Snapchat, exceto pelo fato de que ele permite o compartilhamento das imagens com filtros no Instagram e no Facebook, algo que seu concorrente americano tenta evitar a todo custo. E ao contrário da empresa criada no Vale do Silício, o Snow é focado para o mercado asiático, com stickers de personagens famosos por lá.

Em uma comparação simples com o Snapchat, que conta com 150 milhões de usuários diários e tem um valor de mercado de US$ 22,7 bilhões (R$ 75,6 bilhões), o Snow poderia valer em torno de US$ 4,5 bilhões (R$ 15 bilhões), sobretudo por sua forte presença na Ásia, onde o número de smartphones cresce a passos largos e deverá saltar de 200 milhões para 400 milhões de aparelhos nos próximos cinco anos. Essa história vai render…

snap-snow2
Snow: app de mensagens que pode ser a nova febre na China || Crédito: Reprodução