13.03.2008  /  10:00

Tudo acontece nos Jardins

Look da Há Uma Santa, poltrona da Garimpo Fuxique, bolsa Le Sacs e entrada de loja do Recanto Alto Jardins
– São Paulo – Volto com notícias dos Jardins, o pedacinho do Brasil onde tudo acontece.  Neste quesito, os moradores dos Jardins se acham. Eles são muito parecidos com os de Manhattan – “a gente mora no centro do mundo”. Jardins é motivo de papo, piadas e tendências de consumo. Tenho uma amiga que diz: “Esse povo que vem do interior faz de São Paulo o que os paulistas fazem em Nova York”. Ou seja: “vem, dá uma voltinha pra se atualizar na Oscar Freire (que seria a nossa, digamos, Madison Av.) e depois vai comprar na 25 de Março!


Realmente, não posso mentir que eu estou achando a Oscar Freire, depois que os fios sumiram e as fachadas foram refeitas, um luxo. Principalmente, à noite. Inclusive fiz um tour com dois amigos que comentaram curiosidades sobre a rua. Assiste. A gente estava caminhando em direção a NK Store, que fica no quadrilátero nobre dos Jardins. Perto da NK Store estão o Fasano, a Louis Vuitton, a Dior…  Fomos ao lançamento das jóias da editora de moda e designer Jussara Romão. Veja aqui.


Quem está mudando do Baixo Jardins para o Jardins Nobre é Cris Barros. Ela sai da Oscar Freire com Ministro Rocha Azevedo e vem para um espaço em frente ao hotel Fasano. Desculpem o trocadilho fácil, não deixa de ser uma baixa no Baixo. O Baixo, ou BJ, é forte, tem lojas emergentes e criativas. Tem a Pelu e tem a Adriana Barra. Mas realmente está com problemas no momento. O meu prédinho, onde eu morava e onde propriamente nasceu o termo Baixo Jardins, virou uma favela. E escândalo municipal. Parece que agora vão colocar ordem por lá. E mais: não tão upscale como o Jardins Nobre, o Baixo ganhou dois restaurantes e bares meio esquisitos, que não combinam muito com o espírito low profile do pedacinho. Mesmo assim, se a sua amiga vier do interior ou do exterior, não deixe de visitar o Baixo.


Até um tempinho atrás o tour era este e só: Oscar Freire, Jardins Nobre e Baixo Jardins. Mas como tudo acontece nos Jardins … um novo pedacinho começa a chamar a atenção: denominado Recanto do Alto Jardins, meio cafona o nome. O point do Recanto é a esquina da Bela Cintra com a Alameda Franca. Ali também estão restaurantes legais que a gente já frequenta faz um tempinho, B&B Burguer Bistrot e o A Cotê.


Aí, Aninha Strumpf saiu da Oscar Freire e trouxe a sua Garimpo Fuxique para uma casinha ao lado do B&B e comecou a reunir amigos estilistas que quisessem alugar as outras lojinhas ao lado. E assim, vieram Marcelo Sommer Do Estilista, Fábia Bercsek, Le Sacs, Há uma Santa e D’arouche. Seis lojas que vendem produtos diferentes para o mesmo tipo de consumidor: informado, curioso que gosta de novidades e de jovens criadores.


Quero já: destaques do Recanto


Aninha ajudou a gente a escolher produtos mais legais nas lojas do Recanto esta semana:


++ Do estilista (Al. Franca, 1361, tel. 3061-9577)
Peças do inverno 08.  Camisa xadrez de flanela: R$ 360, masculina, e R$ 290, feminina.


++ Fábia Bercseck (Al. Franca, 1357, tel. 3083-5259)
Em liquidação. Vestido com manga sino ou qualquer outra com as plaquinhas de metal coloridas aplicadas. O vestido é R$ 464


++ Le Sacs (Al Franca, 1353 tel. 3081-4405)
Bolsa saco branca e dourada. R$ 719


++ D’ arouche (Al. Franca, 1.349, tel. 3083-0144)
Regatão ou vestido de franjas R$ 352


++ Há Uma Santa (Al. Franca, 1365, tel. 3063-5663)
Qualquer peça com a estampa de coruja, cerca de R$ 200


++ Garimpo Fuxique (Rua Bela Cintra, 1677, tel. 3081-0107
Em liquidação, almofadas a partir R$ 60. Aninha avisa que a nova coleção chega super colorida em abril.


E já que os Jardins é tema, não perca o 4o episódio de “Garden Girls” (http://www.filmefashion.com.br), quinta às 20h. Para ver o 3o episódio, clique aqui.


Bjs,
Alexandra
alexandra@filmefashion.com.br