23.09.2020  /  12:32

Trump tira sarro de Joe Biden por uso de máscara: “Gastou um dinheirão com plásticas e agora cobre?”

Joe Biden, com máscara, e o presidente americano || Créditos: Reprodução

Quem tem telhado de vidro não deveria jogar pedra no vizinho, mas aparentemente Donald Trump nunca ouviu falar desse ditado popular tão famoso por essas bandas. Glamurama explica: é que na noite dessa terça-feira, durante um comício que fez em Pittsburgh, o presidente dos Estados Unidos e candidato republicano à reeleição no pleito de novembro aproveitou para tirar uma com seu principal concorrente na disputa desse ano pelo cargo, o democrata Joe Biden, a quem chama por apelidos como “1%”, “China”, “Joe Dorminhoco” e outros ainda menos elegantes.

Empolgado com a reação dos apoiadores que o receberam por lá, Trump criticou o rival por seu hábito de sempre usar máscaras em público, como é a regra durante a pandemia, e afirmou ainda que não vê sentido nisso, já que em sua opinião Biden teria gasto um dinheirão para fazer plásticas e enfrentá-lo em sua melhor forma nas urnas e agora as esconde embaixo do acessório indispensável em tempos de novo coronavírus.

Não bastasse o comentário sem noção, o chefe do executivo americano terminou seu discurso dizendo que as agressões contra profissionais de imprensa durante os protestos pela morte de George Floyd, em julho, foram “uma cena linda”. Trump, no entanto, tem motivos para se preocupar: na Pensilvânia, onde fica Pittsburgh, e assim como em vários outros estados americanos, pesquisas de intenção de voto o colocam alguns pontos atrás do ex-vice-presidente no governo de Barack Obama que, como se vê, poderá rir por último. (Por Anderson Antunes)