06.02.2016  /  1:48

Ticiana Villas Boas: da Bahia pro mundo e do mundo pra Bahia de novo

cópia de cine-tici
Ticiana Villas Boas faz sua estreia como âncora durante o Carnaval de Salvador || Créditos: Lucas Assis

Ticiana Villas Boas vive ótima fase da carreira. Tanto é que, ela marca sua estreia nesta sexta-feira como âncora de transmissão do Carnaval da cidade pelo SBT. A festa tem uma senhora importância a ela, por sinal. Foi em Salvador, em 2005, onde fez sua primeira aparição em rede nacional, quando entrava ao vivo da pipoca do circuito Campo Grande. “Foi ali que a direção da Band se atentou e se interessou por mim. Recebi, então, o convite para ir a São Paulo”, diz. Por anos fugi com a família nesta época do ano, sempre para algo mais sossegado, sem Carnaval. Mas estou muito ansiosa. Poder começar um ano tão promissor pra mim, transmitindo o Carnaval da minha terra vai ser maravilhoso”, completa.

Ticiana tem casa, família e amigos em Salvador, e pretende curtir um pouco de cada deles durante a temporada: “A transmissão é à noite, vou trabalhar à tarde também para fazer algumas gravações e matérias. Mas café da manhã e à tarde dá pra reunir a família, tomar um banho de mar… Meu prédio é bem pertinho da praia, não precisa pegar o carro… ”

Look de Ticiana Villas Boas usado durante sua estreia ao vivo como âncora do Carnaval de Salvador|| Créditos: Lucas Assis
Look de Ticiana Villas Boas usado durante sua estreia ao vivo como âncora do Carnaval de Salvador|| Créditos: Lucas Assis

Na estica

O figurino usado durante as transmissões seguiu o seguinte briefing: “Tem que ser alegre, ter certa sensualidade, muito brilho, muita cor e valorizar o corpo”. Nesta sexta-feira – dia da semana em que ela segue à risca o ritual baiano de só usar roupas na cor branca – ela vem a bordo de vestido Martha Medeiros, cabeça de Laura Spinelli e joias Ana Rocha & Appolinario. A cada dia da transmissão ela usa um grande estilista brasileiro. Na sequência, Lethicia Bronstein e Samuel Cirnansck.
Antes do axé
“Na minha fase adolescente eu era da turma alternativa, faculdade de jornalismo, Universidade Federal da Bahia, era de uma turma meio bicho grilo, metida a intelectual, sabe? A gente curtia MPB, o rock alternativo do Rio Vermelho, gostava de viajar nessa época para o Vale do Capão por exemplo, fazíamos trilha…”

Maratona

Para aguentar a maratona de gravações, Ticiana se preparou com antecedência. “Emagreci 3 quilos e fiz bastante musculação e corrida. Estou com uma ‘reserva técnica'” (risos).

Desafio 

“Transmitir ao vivo é sempre um desafio. Dá um frio na barriga, às vezes fico nervosa mas adoro. Conseguir traduzir e passar para o telespectador a grandiosidade e animação da festa. É um Carnaval mais para se curtir do que para se ver. Então o desafio é fazer com que o telespectador viva essa festa como se estivesse lá. O Carnaval de Salvador é o melhor do mundo!”

Acompanhe a cobertura completa do Carnaval pelo Brasil no Canal Comissão de Frente por Gillette Venus.