Sabrina com vestido Rober Dognani e sapato Stella McCartney

“Tenho o nariz grande, verruga na testa… Sou esquisitona!”, diz Sabrina Sato à revista J.P.

14.01.2018  /  9:00

Quinze anos depois de aparecer no Big Brother Brasil, Sabrina Sato hoje é personalidade onipresente na vida dos brasileiros. Sorte a nossa

Por Thayana Nunes para a Revista Joyce Pascowitch de Janeiro || Fotos: Maurício Nahas || Styling: Fabrício Miranda || Beleza: Krisna Carvalho

Fotografar Sabrina é sempre uma festa. Não existe aquele estresse normal que rola nos bastidores dos ensaios de capa. O clima com ela é leve e divertido e o motivo está estampado no rosto da nossa estrela: um sorrisão enorme, com “500 dentes”, como ela brinca, que teima em não ir embora. Sabrina é do tipo que conversa com todos, distribui olhares sinceros, faz piada e se encaixa perfeitamente na descrição que faz de si mesma: “Gosto de ser de verdade”. Foi com esse jeito de “gente como a gente”, aliás, que conquistou seu espaço. Neste mês, faz 15 anos que apareceu no “Big Brother Brasil” e começou a trilhar sua história no imaginário do brasileiro. Pode ter sido uma história meio às avessas – quem não se lembra dos micos que pagava quando era uma das integrantes do programa “Pânico”? Mas não importa. Hoje, podemos dizer que ela chegou lá. É, há anos, a rainha dos carnavais, tem um programa próprio na TV, sem falar nos milhões de seguidores no Instagram e nos fãs devotos que viralizam seus vídeos no YouTube.

O canal no YouTube é uma das conquistas mais recentes. Está fazendo barulho há pouco mais de um ano, muito entre os jovens que ainda eram bem pequenos quando ela apareceu no BBB, lá em 2003. “Acho que é porque sou muito molecona”, explica ela, que logo emenda: “Até me cobro um amadurecimento, sabe? Mas não consigo!”, diz, rindo. Ali, faz um verdadeiro diário de sua vida: brinca de “Eu Nunca”, entrevista quem quiser, mostra sua rotina de exercícios e coloca no meio de tudo intimidades com o namorado, o ator Duda Nagle, dicas da mãe, dona Kika, e a relação que tem com a irmã Karina, sua fiel escudeira e empresária. “A gente teve até proposta da Endemol para fazer um reality show: As Satos”. O plano não foi para frente, mas é como se já existisse, né?

Sobre o “Programa da Sabrina”, na Record, há mais motivos para comemorar. Dos sete programas de auditório da emissora, o dela está entre os três que não passaram por grandes mudanças nos últimos tempos. Sabrina, que participa de tudo, recebeu até um pedido para criar um conteúdo mais com a cara dela. Bem diferente do que aconteceu com Xuxa, por exemplo, que ganhou uma atração de formato, o “Dancing Brasil”, já que o Xuxa Meneghel estava com problemas de audiência. “O comercial me segurou bem, tenho muito anunciante. Mas a Xuxa agora está num dia ótimo para a TV, às quartas-feiras. Vai dar certo”, diz. Outro motivo que a gente não percebe, é que nos bastidores o negócio com Sabrina o papo é sério. Ela não brinca em serviço. “Sou megaexigente, do tipo faz isso, faz aquilo. Se até eu não aguento mais minha cara, imagina então as pessoas!”

Com essas conquistas, 2018 promete ser também de mudanças. Esse papo de maternidade, que vive virando manchete quando o assunto é Sabrina, é mesmo real. Quer tanto ser mãe este ano que não sabe se vai querer fazer outras coisas. “Porque minha mãe foi uma mãe que virou mãe depois, sabe? De 2018 não passa”, revela, batendo o martelo. Ela nem vai esperar essa “coisa do casamento” para engravidar, já que Duda, com quem namora há dois anos, “não quer casar”. “Ele não quer festa grande porque, imagina só, o tanto de convidados. Mas acho que vamos fazer várias festas pequenas, sim.” Na dúvida, tem na ponta da língua quem assina o vestido – ou um deles: o amigo e estilista Riccardo Tisci.

Hot pant Amir Slama, toalha e relógio Brechó Minha Avó Tinha, brinco Trash Chic, anel Mauricio Monteiro

Falando em moda, esse estilo extravagante de se vestir é culpa de outro amigo, o stylist Yan Acioli, que a acompanha há anos –, mas que vem reclamando do ritmo frenético de eventos. É tanto compromisso que está sendo impossível dar conta de criar looks diferentes o tempo todo. Quem quiser comprovar é só espiar no Instagram: Sabrina não para. Se ela se cansa dessa vida? Nada disso. “Meu segredo é que curto o momento e me sinto à vontade em qualquer lugar. Sou praticamente um ET”, fala, emendando uma gargalhada, o que acontece durante todo o nosso papo. Com aquele sotaque carregado que virou charme, ela não consegue nem mesmo admitir que é sexy até dizer chega. “Sexy, eu? Sou a prova de que você pode fugir do padrão de beleza total. Tenho o nariz grande, verruga na testa… Sou total esquisitona! É impressionante, nenhuma mulher fica com ciúmes de mim. Sabe por quê? Porque sou esquisitona.” Bom, se for assim, esquisitona é o novo sexy.

Confira na galeria abaixo todos os cliques do ensaio de Sabrina Sato: