01.04.2016  /  12:28

“Sofro de depressão”, desabafa Cara Delevingne em resposta a críticas

579267423BD00024_Burberry_W
Cara Delevingne admite sofrer de depressão no Twitter || Créditos: Getty Images

Depois de ser criticada por ‘não honrar’ sua palavra de que deixaria de lado a carreira de modelo por um tempo para dedicar-se integralmente à carreira de atriz, Cara Delevingne decidiu fazer um desabafo via Twitter na noite dessa quinta-feira – mesmo dia em que foi divulgada a campanha que ela estrelou para a Saint Laurent. “Podemos apenas esclarecer as coisas … Eu nunca disse que estava desistindo de modelar. Eu não culpo a indústria da moda por nada… Eu sofro de depressão e era modelo quando passei por um momento particularmente difícil de auto-ódio. Eu sou muito sortuda pelo trabalho que faço, mas uso o trabalho para tentar escapar, e terminei simplesmente me esgotando completamente. Estou focada em filmar e tentando aprender como não fazer escolhas separadas de todas as minhas falhas. Sou realmente boa nisso.”


Esta não é a primeira vez que Cara faz confissões de seu estado emocional. Durante uma entrevista com o ator Rupert Everett no encontro anual “Women in the World Summit”, organizado em outubro passado pelo “The New York Times”, ela leu um poema que escreveu, se justificando: “Eu escrevi isso quando não estava feliz, um ano atrás, mas você sabe, depressão volta. É algo recorrente. E parto do ponto de onde eu era um pouco louca. Era completamente suicida, e não queria mais viver”, e depois revelou  que tinha encontrado consolo e apoio profissional através da confiança em outras pessoas – incluindo modelos como Kate Moss – e praticando ioga.