07.11.2017  /  14:55

Sobrinha de Bernard Arnault lança site de vendas de bebidas para clientes endinheirados

Stephanie Watine Arnault || Créditos: Getty Images

Agora é oficial: Stephanie Watine Arnault, sobrinha do poderoso CEO e maior acionista do conglomerado francês LVMH (e homem mais rico da França), Bernard Arnault, assumiu de vez uma posição de comando nos negócios da família, que incluem algumas das mais famosas grifes de luxo do mundo. Desde o último dia 2, ela comanda a expansão para os Estados Unidos do site de vendas de bebidas Clos19, uma iniciativa dos Arnault que ajudou a fundar no começo do ano em Londres, onde mora e trabalha, e que já está presente na Alemanha e em todo o Reino Unido.

O site vende as principais marcas de champagne, uísque, conhaque, vodka e afins do LVMH, como Dom Pérignon, Veuve Cliquot, Belvedere e Hennessy, mas não de uma maneira tradicional: por meio dele, os clientes podem fazer encomendas que serão entregues em até 24h, escolher o tipo de copo ideal para degustar as bebidas que comprarem e até a temperatura que estas devem ter quando chegarem no destino final.

Some-se a isso o fato de que o Clos19 – cujo nome é inspirado nas “clos”, como são conhecidas as parreiras de uvas na região de Champagne, na França, e o século em que a bebida borbulhante começou a se popularizar – também oferece tours temáticos sobre cada um dos produtos que anuncia, com direito a sessões de degustação na Antártica e na Nova Zelândia.

Vale lembrar que nos últimos anos vários outros membros da segunda geração dos Arnault ganharam cargos de destaque no LVMH, a começar por Delphine e Antoine Arnault, filhos de Bernard, e respectivamente a vice-presidente executiva da Louis Vuitton e o CEO da Berluti e, mais recentemente, Alexandre Arnault, o mais velho do
segundo casamento do bilionário, que se tornou CEO da Rimowa em outubro, e o irmão caçula dele, Frederic, que faz uma espécie de “estágio” em todas as áreas do grupo. (Por Anderson Antunes)