28.03.2019  /  10:16

Sem medo do Brexit, Ed Sheeran gastou mais de R$ 200 mi em imóveis no Reino Unido só este ano

Ed Sheeran || Créditos: Reprodução/Instagram

Os altos ganhos de Ed Sheeran em 2018 e a queda generalizada nos preços de imóveis no Reino Unido – culpa do Brexit, claro – deixaram o cantor animado para ir às compras no país. Só de janeiro pra cá, o intérprete de “Shape of You” desembolsou £ 42 milhões (R$ 218,8 milhões) para se tornar proprietário de dezoito imóveis espalhados por Londres e Suffolk, sendo está última uma região histórica da Inglaterra, o que inclui de um restaurante localizado em Notting Hill, um dos bairros mais caros e famosos da capital inglesa.

Aparentemente discordando das análises de que a saída dos britânicos da União Europeia vai custar caro para os súditos da rainha Elizabeth II, Sheeran resolveu aumentar seu portfólio imobiliário, sinal de que ele aposta em uma eventual valorização.

Com 28 anos e enchendo estádios mundo afora, o popstar faturou US$ 110 milhões (R$ 397,4 milhões) no ano passado e deverá terminar 2019 com a conta bancária engordando no mesmo ritmo, já que a atual turnê dele – a “÷ Tour” – chega ao fim somente no fim de agosto. Até lá, quem sabe, o imbróglio em torno do Brexit já terá sido devidamente resolvido. (Por Anderson Antunes)