15.06.2018  /  12:03

Roberta Sudbrack comemora sanção de lei que valoriza o produto artesanal brasileiro: Livre!

Roberta Sudbrack: livre! || Créditos: Reprodução Instagram

Boas notícias para o pequeno produtor brasileiro e os amantes da cozinha artesanal. O Presidente Michel Temer sancionou, nessa quinta-feira, a lei que transfere fiscalização de produtos artesanais de origem animal para os órgãos estaduais de saúde pública e cria o selo ARTE para classificar esses produtos.

Uma das chefs brasileiras que mais lutou por esssa sanção foi Roberta Sudbrack, que não perdeu a oportunidade de comemorar: “Lei 13.680 de 14 de junho de 2018 este é o nome da liberdade! Este é o dia que o produto artesanal brasileiro conquistou o direito de circular livremente pelo seu país! O dia em que juntos mudamos a HISTÓRIA DO BRASIL! A todos que ajudaram a ecoar o grito e que acreditaram que era possível mudar o rumo da história, parabéns! Este é o dia que a cultura brasileira volta a respirar! Compartilhem! Comemorem! Orgulhem-se desse Brasil de mãos cheias de terra que a partir de agora tem voz! Muito obrigada, juntos fomos mais fortes…”, postou em seu Instagram.

Essa é sem dúvida uma vitória para Sudbrack que chegou a ter um prejuízo dos bons, cerca de R$400 mil, quando teve seu stand fechado pela Vigilância Sanitária durante o Rock in Rio, em 2017, por comercializar ingredientes como queijos, linguiças e salsichas fabricados por pequenos produtores da cidade de Gravatá, em Pernambuco.

Com a lei foi aprovada integralmente, os produtos já certificados com selos estaduais devem receber automaticamente o selo ARTE e poderão ser livremente comercializados. Viva!