28.04.2021  /  13:21

Reynaldo Gianecchini abre o jogo sobre o câncer que enfrentou há exatos 10 anos: “Me trouxe bençãos inacreditáveis”

Reynaldo Gianecchini chegou aos 48 anos com pose de galã, duas décadas de uma carreira de sucesso e realizado em sua vida pessoal. Em meio a tudo isso, em 2011 um câncer gravíssimo virou o ator de ponta cabeça e ele nunca mais foi o mesmo. “Foi um processo muito bonito na minha vida, na verdade. As pessoas estranham quando eu falo isso porque parece uma coisa muito ‘cabeluda’ – e, de certa forma, é, você encara a morte -, mas passar por isso me trouxe bençãos inacreditáveis. Saí ganhando muito coisa e tinha a percepção de que esse processo ia me trazer muito conhecimento. Não achava que era amaldiçoado por estar naquela posição”, revelou ele em entrevista ao podcast “Novela das 9”.

Procurado constantemente para compartilhar sua experiência, Giane contou que seu conselho é sempre o mesmo: “Viva o seu processo. A vida é o que é. Aceite o que ela está te propondo!”, disse ao lembrar que uma das maiores lições que ficou da cura é a pergunta-chave que o acompanha: “O que o presente tem para me mostrar?”.

O ator ainda confessou que o afeto pela família e amigos, o autocuidado e a vontade de viver o aqui e agora foram potencializados pela doença e garante que durante o processo não sentiu tristeza, apenas medo e ansiedade: “Eu estava muito entregue para a minha cura e para buscar o meu autoconhecimento”.