16.11.2013  /  10:42

Revista PODER: as versões de luxo dos carros híbridos e elétricos

por Alexandre Makhlouf para Revista PODER

Foi-se o tempo em que carro híbrido ou elétrico era sinônimo apenas de sustentabilidade – o que fazia muitos apaixonados por carro torcerem o nariz para o novo segmento. O mercado para esses automóveis, no entanto, vai na base do vento a favor: de acordo com um estudo da empresa britânica ABI Research, a previsão é de que as vendas de modelos movidos a eletricidade cresçam, em média, 48% ao ano até 2020, ultrapassando a casa dos 2 milhões de carros elétricos vendidos no fim do período, contra os 150 mil comercializados este ano. Além disso, não é mais necessário abrir mão de design, conforto e velocidade para ter um carro que faça bem para a natureza. Com a tecnologia cada vez mais aprimorada, marcas consagradas como Porsche, Mercedes, Cadillac e BMW, entre outras, estão lançando seus primeiros modelos premium elétricos e híbridos. Por isso, nas próximas páginas, PODER reuniu carros que surpreendem por aliar potência, design e muita sofisticação – tudo isso com motores recarregáveis.

BMW i3

Integrante da nova linha i da montadora – que representa inovação e inspiração – o modelo tem carroceria feita 100% de fibra de carbono, chassi de alumínio e motor traseiro de 170 hp, capaz de chegar de 0 a 100 km/h em pouco mais de 7 segundos. Com autonomia de até 160 km, os compradores podem optar pela versão híbrida, com um motor de 9 litros de gasolina, que praticamente dobra essa distância. O design, claro, não ficou de fora: as janelas traseiras são maiores, para melhorar a visibilidade, e a porta de carga é toda de vidro com lanternas integradas. A previsão é de que o BMW i3 chegue ao Brasil no fim do ano que vem, custando US$ 230 mil aproximadamente.

 

VOLKSWAGEN XL1

Com a promessa de ser o híbrido mais eficiente do mundo, o novo XL1 Volkswagen consegue rodar até 110 km com apenas 1 litro de diesel e também vem equipado com motor elétrico que pode levá-lo a até 160 km/h. O lado “verde”, no entanto, nem de longe é o grande lance desse carro. O design superesportivo é o que mais chama a atenção, com linhas aerodinâmicas, portas com abertura tesoura – para cima, e não para os lados – e  faróis angulares. Destaque para as rodas traseiras, cobertas pela lataria, que dão um ar futurista ao modelo. A Volkswagen anunciou que serão produzidas apenas 250 unidades  e que o preço de cada uma será, em média, US$ 145 mil.

 

NC MAZDA MX

A japonesa Mitsuoka Motor pode não ser uma gigante do ramo automotivo, mas marca presença no mercado premium de carros elétricos. Misturando o visual clássico com a potência de um esportivo, o recém-lançado NC Mazda MX ganhou uma versão “verde” e conta com 168 baterias de lítio. Produzido artesanalmente, o modelo tem autonomia de dar inveja aos concorrentes: consegue rodar até 550 km com uma única carga.

 

PORSCHE PANAMERA S-E HYBRID

O gran turismo mais descolado da Porsche ganhou, este ano, sua segunda versão mais ecológica e apresenta-se como o primeiro híbrido da categoria de alto luxo. Com 416 hp de potência combinada, aceleração de zero a 100 km/h em apenas 5,5 segundos e espaço de sobra para quatro passageiros – um destaque nos superesportivos –, o Panamera S-E Hybrid tem como grande diferencial a tecnologia Porsche Car Connect, que permite ao motorista controlar e monitorar as funcionalidades do veículo, como carga da bateria e climatização interna, pelo smartphone. O design também foi aprimorado: as linhas ficaram mais estreitas e os contornos, mais acentuados.

 

TECLA MODEL S

Eleito o carro mais seguro do mercado americano pela National Highway Traffic Safety (NHTSA), o Model S é o elétrico mais top da montadora Tesla, que produz apenas veículos dessa categoria. É exatamente a ausência de um motor a combustão que aumenta a segurança: com mais espaço no capô, o impacto é mais absorvido e os passageiros correm menos risco. Equipado com uma bateria de 60 kWh ou 85 kWh, o veículo tem autonomia de 480 km sem precisar de recarga e pode atingir até 209 km/h, indo de zero a 100 km/h em apenas 4,4 segundos – apto a competir com muitos esportivos tradicionais, como Ferrari e Porsche. Outro diferencial é seu interior, com computador de bordo touchscreen e espaço para sete passageiros, com dois bancos retráteis no porta-malas.

 

CADILLAC ELR

Conhecida pela elegância e sofisticação, a Cadillac apostou no mercado premium de carros elétricos e lança, no início do ano que vem, um modelo para competir diretamente com a tesla motors. Batizado de ELR, o veículo conta com motor a gasolina 1.4 e mais dois elétricos, atingindo 207 hp de potência. Se utilizado apenas com as baterias, sua autonomia é de apenas 55 km, mas essa distância pode chegar a 480 km no modo combinado. Com espaço para apenas quatro pessoas, o design do modelo é um show à parte: rodas de liga leve aro 20, bancos de couro preto ou marrom, painel com detalhes de madeira e computador de bordo. O preço? Us$ 76 mil.