20/09/2017- Brasilia- Procuradora-geral da República, Raquel Dodge participa de sua primeira sessão no STF. Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Procuradora-geral da República Raquel Dodge segue com investigação da Lava Jato

25.11.2017  /  8:00

Procuradora-geral da República Raquel Dodge // Crédito: Carlos Moura

Por Joyce Pascowitch para a Revista Poder de Novembro

A nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge, segue firme no projeto de investigação interna para averiguar se os vazamentos de informações relacionadas à Lava Jato teriam mesmo origem no Ministério Público Federal. A chamada “agência Janot”, apelido maldoso dado por aliados do presidente Michel Temer, vítima da delação premiada de Joesley Batista ao ex-procurador Rodrigo Janot, parece mesmo ser maior do que muitas das agências internacionais de notícias: pelo levantamento da turma de Raquel enviado ao Supremo Tribunal Federal, em uma só edição do Jornal Nacional, das 29 notícias veiculadas, 24 teriam como origem a Procuradoria-Geral da República.