30.09.2015  /  11:15

Ralph Lauren deixa de ser CEO da marca que leva seu nome

Ralph Lauren: hora do adeus || Créditos: Getty Images
Ralph Lauren: hora do adeus || Créditos: Getty Images

No comando da marca que leva seu nome desde 1967, quando lançou sua primeira coleção, o estilista Ralph Lauren anunciou nessa terça-feira que deixará o posto de CEO em novembro. Quem deve entrar no lugar dele é o executivo Stefan Larsson, um veterano da indústria da moda que fez carreira na Old Navy, marca super popular do grupo da Gap. Será a primeira vez que alguém fora da família Lauren assume o comando da Ralph Lauren Corporation, que teve receitas de US$ 7,45 bilhões (R$ 29,8 bilhões) no ano passado e registrou um lucro líquido de US$ 776 milhões (R$ 3,1 bilhões). Com ações negociadas na bolsa, a empresa tem um valor de mercado de US$ 8,9 bilhões (R$ 35,6 bilhões).

O fato de que a Ralph Lauren Corp é uma empresa de capital aberto foi um dos principais motivos que levaram seu fundador a optar por sair de cena. Aos 75 anos e com uma fortuna pessoal de US$ 6 bilhões (R$ 24 bilhões), Lauren entende que o mercado exige planejamento e transparência quando o assunto é a sucessão nos negócios. De qualquer forma, ele continua sendo o acionista majoritário da empresa e deverá manter um papel relevante nos bastidores. (Por Anderson Antunes)