16.06.2019  /  9:00

Quando Fernanda Gentil volta à TV? Por enquanto ela está se divertindo no cinema e nos palcos da vida

16

O público da TV Globo sente falta de Fernanda Gentil. Prova disso foi a estreia do Campeonato Mundial de Futebol Feminino. Durante a partida da seleção brasileira, muita gente questionou nas redes sociais porque não colocaram Fernanda para narrar a partida? “Petição exigindo que troquem o Galvão Bueno pela Fernanda Gentil, ninguém aguenta mais ele falando da seleção masculina”, protestou uma internauta. Em resposta, a jornalista publicou: “Me dói, mas tive que fazer escolhas… Novos desafios, mais tempo com a família e mais perto de vocês…”

Desde que deixou o esporte da Globo, Fernanda Gentil tem experimentado diferentes emoções. Atacou de atriz de cinema, no filme ‘Ela Disse Ele Disse’, e está viajando pelo país com o espetáculo ‘Sem Cerimônia’, um monólogo interativo que propõe uma reflexão entre ela e a plateia a partir de experiências pessoais e profissionais vividas pela apresentadora de 32 anos. “Tem sido uma delícia. As sessões estão lotando e estou muito feliz com esse retorno”. E claro que seus fãs querem saber quando ela volta à telinha. Fernanda ainda não tem resposta para essa pergunta e prefere não tocar no assunto, mas reza a lenda que no segundo semestre boas surpresas devem acontecer. Em entrevista à revista J.P de março, da qual foi capa, ela disparou divertida como sempre: “Será que você vai substituir o Faustão, me perguntam. É mais fácil substituir a vaca do Globo Rural! Anota isso que ficou divertido!” Enquanto aguardamos novidades, conversamos Fernanda sobre o atual momento de sua vida:

Glamurama: Como está sendo a recepção do público com ‘Sem Cerimônia’?
Fernanda Gentil: Está sendo muito especial! As sessões estão lotando. Em algumas cidades abrimos sessões extras e estou muito feliz com esse retorno! A participação do público é fundamental pro espetáculo acontecer e essa resposta imediata é algo muito novo pra mim. Poder olhar no olho das pessoas pra mim é a maior vantagem do teatro.

Glamurama: Você está apresentando a peça em diferentes cidades, conta essa experiência pra gente?
FG: Eu quis criar essa peça para contar um pouco do que o povo não vê só me assistindo na TV. Ou seja, muitos bastidores, histórias por trás das câmeras. Mas principalmente para passar as mensagens que sempre quis passar. A gente fala muito de respeito, igualdade, humanidade, tem muita dinâmica, o público participa bastante. Então, tem sido uma delícia.

Glamurama: Você imaginava que sua carreira seguiria esse rumo?
FG: Me despedir do esporte foi especial e dolorido. Nunca imaginei fechar esse ciclo. Mas a vida é feita de ciclos, não tem jeito. A partir disso, meu grande desafio é experimentar coisas novas, ousar. E é o que venho fazendo, e estou adorando!

Glamurama: Em outubro estreia ‘Ela Disse Ele Disse’ nos cinemas. A carreira de atriz é uma realidade na sua vida?
FG: Não tenho talento pra ser atriz. Só quero me divertir. Aí chegou o convite da Thalita Rebouças, uma amiga muito querida, e eu topei. Sou movida a desafios. Se sentir que posso acrescentar o mínimo que seja, me desenvolver como pessoa, me colocar num lugar em que nunca estive, quero fazer.

Glamurama: Você já disse ser fã da Ellen DeGeneres e que gostaria de fazer algo como o programa dela na TV…
FG: Ellen e Oprah (Winfrey) sempre foram personalidades que me inspiraram, pela carreira, pela posição profissional e, sobretudo, pelas causas humanas que defendem. São duas mulheres muito fortes e importantes para o mundo. Sorte a minha poder viver para vê-las em ação.