Tommy Hilfiger e a tela de Basquiat que vai a leilão

Tommy Hilfiger e a tela de Basquiat que vai a leilão || Créditos: Getty Images

Quadros da coleção de Tommy Hilfiger vão a leilão em novembro nos EUA

31.10.2016  /  14:44

Tommy Hilfiger e a tela de Basquiat que vai a leilão || Créditos: Getty Images
Tommy Hilfiger e a tela de Basquiat que vai a leilão || Créditos: Getty Images

Dono de uma vasta coleção de quadros e esculturas, o estilista Tommy Hilfiger costuma dizer que a arte, mais do que a moda, é a sua grande paixão. Apesar disso, ele decidiu se desfazer de cinco telas que integram a coleção, e que serão vendidas pela casa de leilões Phillips, dos Estados Unidos, em novembro. São trabalhos assinados por artistas do calibre de Jean-Michel Basquiat, Jean Dubuffet, Damien Hirst, Keith Haring e Andy Warhol, este último um grande amigo de Hilfiger nos anos 1980.

No total, as telas têm um valor estimado entre US$ 5,65 milhões (R$ 18 milhões) e US$ 8,85 milhões (R$ 28,1 milhões), e a mais cara é de autoria de Basquiat, “Untitled (Devil’s head)”, de 1983, que tem valor estimado entre US$ 3 milhões (R$ 9,5 milhões) e US$ 5 milhões (R$ 15,9 milhões) e atualmente adorna uma das paredes do apartamento de Hilfiger no Plaza Hotel, em Nova York. (Por Anderson Antunes)