09.05.2018  /  11:40

Primeiro dia do Festival de Cannes 2018 foca no politicamente correto e no girl power

Cate Blanchett, Penélope Cruz e Kristen Stewart || Créditos: Getty Images

Passado o Met Gala 2018, que agitou Nova York nessa segunda-feira, os olhares agora se voltam para a riviera francesa, cenário da 71ª edição de Festival de Cinema de Cannes, que começou nessa terça-feira e segue até o dia 19 de maio.

O destaque da noite de abertura ficou por conta da bandeira levantada por duas poderosas atrizes – Cate Blanchet – presidente do juri – e Penélope Cruz -, que deram início ao festival promovendo consumo consciente. Penélope, que está lá, assim como o marido, Javier Bardem, por conta do filme “Everybody Knows”, de Asghar Farhadi, usou na première um vestido preto alta-costura de renda vintage da Chanel combinado a joias da coleção de luxo consciente lançada pela Swarovski. Já Cate optou por reaproveitar um modelo Armani Privé que já tinha usado no Globo de Ouro 2014. Também há um aceno por parte das duas, e também de Kristen Stewart, em apoiar o movimento #MeToo, em apoio à vítimas de abuso e assédio sexual.

“Nossa feliz tarefa como júri”, disse atriz em seu discurso de abertura, “é abrir nossos corações e mentes, checar nossas agendas e preconceitos, deixar nossas expectativas na porta e estar atentos às histórias que vamos fazer serem contadas ao longo do festival.”

Enquanto ecos do escândalo de Harvey Weinstein continuam a repercutir, o que se tem é uma edição com uma agenda mais leve de eventos e com tolerância zero. O destaque vai para um júri muito feminino – com Kristen Stewart, Léa Seydoux, a diretora americana Ava Dubernay e a cantora africana Khadja Nin.

Fique ligado: no dia 12 de maio, neste sábado, acontece no red carpet um protesto dedicado às mulheres no cinema em apoio ao movimento #MeToo. É esperado para se juntar à causa um grupo de cerca de 100 mulheres, entre atrizes e diretores. A edição ainda conta com parceria do Ministério da Igualdade de Gênero da França, que criou um espaço dedicado à vítimas de assédio sexual, físico ou emocional.

Abaixo, selecionamos as mais bem-vestidas do primeiro dia do Festival de Cannes. Cocktail dresses e makes leves para as photocalls e eventos diurnos, e vestidos inspirados em musas de Hollywood dos anos 1950 para a noite. Atenção aos plissados, rendas e vermelhos – os “mais mais” da noite de estreia.