Os “carros verdes” que vão circular pelas ruas brasileiras

26.08.2017  /  7:32

Porshe Cayenne S E-Hybrid e BMW i3

Por Camila Boni para a Revista PODER de agosto

Eles já tomaram as ruas de várias cidades do mundo. Por aqui já há cerca de 4 mil veículos elétricos e híbridos (que funcionam também com gasolina) circulando e as vendas seguem em ritmo acelerado. Sinal dos tempos, que pedem carros verdes – aliás, esse é o “apelido” deles

BMW i3 
EFICIÊNCIA GERMÂNICA
À venda no Brasil, o modelo 100% elétrico da montadora alemã tem autonomia de até 160 km sem necessidade de recarregar a bateria.
A estrutura é de fibra de carbono, material leve e resistente usado
na Fórmula 1.
R$ 160 mil

PEUGEOT 3008 HYBRID4
CHIC E COMPACTO
O híbrido da francesa Peugeot deve começar a rodar pelas ruas em 2019. O crossover chega na versão Griffe e os primeiros compradores vão ganhar o e-Kick, patinete elétrico dobrável.
A ideia é que, mais tarde, os modelos 208 e 2008 também tenham versões 100% elétricas.
R$ 139.990

Volvo XC90 T8 R-design

VOLVO XC90 T8
O FUTURO É AGORA
Conhecida por fabricar os veículos mais seguros do mundo, a sueca Volvo anunciou que daqui a dois anos será a primeira montadora a ter apenas modelos elétricos ou híbridos. E a expectativa é vender 1 milhão de veículos elétricos até 2025.
R$ 457 mil

PORSCHE CAYENNE S E-HYBRID
PERUA DO FUTURO
Tecnologia híbrida, materiais leves, aerodinâmica otimizada e baixa resistência de rolagem – assim é a SUV da Porsche. Oliver Blume, o presidente da empresa, anunciou que a marca está investindo 1 bilhão de euros para desenvolver um modelo 100% elétrico, previsto para entrar no mercado em 2019. Até 2023, a ideia é que os carros elétricos respondam por metade das vendas no mundo.
R$ 432 mil

LEXUS CT 200h
SOFISTICAÇÃO EM ALTA
Para completar a lista, a divisão de luxo da montadora japonesa Toyota tem o modelo CT 200h, que aciona o motor elétrico quando necessário sem que o motorista precise mexer um dedo.
R$ 130 mil