08.02.2018  /  10:28

Gisele esclarece comentários polêmicos sobre a derrota do marido no Super Bowl

Gisele consola Brady e os filhos depois da derrota do jogador no Super Bowl || Créditos: Reprodução/Instagram

Uma cena descrita recentemente na coluna que o jornalista americano Josh Peter mantém no “USA Today” quase se transformou em mais uma polêmica futebolística envolvendo Gisele Bündchen, não fosse pela própria supermodelo ter entrado em campo para acalmar os ânimos daqueles que já se preparavam para atacá-la. É que Peter estava presente no U.S. Bank Stadium, palco onde o último Super Bowl foi disputado em Minneapolis, nos Estados Unidos, e viu Gisele consolando os filhos depois da derrota do time do marido, o New England Patriots para o Philadelphia Eagles.

“O papai já ganhou cinco vezes”, a brasileira explicou para os herdeiros, Benjamin e Vivian, segundo o relato de Peter. “O Eagles nunca ganhou um Super Bowl. Às vezes você precisa deixar os outros vencerem. Precisamos compartilhar. Dividir é cuidar”. Foi o suficiente para que muitos dissessem que ela foi arrogante em sua explicação, dando a entender que os rivais de Brady na última grande final da Liga de Futebol Americano não fizeram por merecer. Mas não foi bem assim…

“Apenas para esclarecer. Ninguém ‘deixou’ ninguém vencer. As pessoas vencem por mérito próprio. Estou cansada de ver gente manipulando minhas palavras a fim de criar drama onde não existe nenhum”, Gisele postou no Twitter nesta quarta-feira. De qualquer forma, prevenir é melhor do que remediar, até porque um dos maiores bafões da
história dos Super Bowls até hoje aconteceu em 2012 e envolveu a übermodel: foi quando ela respondeu à provocação de um homem que festejou em sua frente a derrota do Patriots para o New York Giants e acabou culpando sem querer os colegas de Brady pelo resultado. (Por Anderson Antunes)

*

Abaixo, o post de Gisele no Twitter no qual ela explica o que quis dizer: