02.08.2015  /  13:04

Parou o Rio! Por dentro do festão de 50 anos de Giovanni Bianco

Giovanni Bianco e seu discurso emocionante na hora do parabéns || Créditos: Glamurama
Giovanni Bianco na hora do parabéns || Créditos: Glamurama

Emoção, alegria e animação: essas três palavras descrevem muito bem o festão que comemorou nesse sábado, no Rio, os 50 anos de Giovanni Bianco, um dos mais top diretores de arte do mundo. A escolha do cenário, o Parque Lage – lindo, sem decoração ou flores -, teve a ver com a historia dele: foi lá que ele estudou e se formou. As barracas de feira também tinham tudo a ver: os pais do aniversariante eram feirantes em Santa Teresa, no Rio, e ele trabalhava lá com eles também.

Amigos de toda a vida vieram de várias  partes do mundo e o show de Alcione – um presente de José Mauricio Machline que fez o Giovanni chorar – fez todos eles dançarem muito. A Marrom ainda chamou ao palco Marisa Monte, Roberta Sá, Preta Gil e Mart’nália – essa, inclusive, fez bonito de muletas (ela rompeu os ligamentos) e sandálias Céline, supercool! Para completar, Roque, filho de Regina Casé, ainda deu uma palinha no pandeiro. Na pista – que ainda contou com trilha esperta do DJ Zé Pedro – globais mil, mulheres bonitas, gente animada, amigos de todos os tempos. As mais bonitas? Taís Araújo, Sabrina Sato e Paolla Oliveira. Fernanda Torres e Gloria Pires também estavam lá, além de Adriana Varejão, Luiz Zerbini e mais gente da turma das artes. Os convidados em sua maioria atenderam os pedidos do anfitrião para que não passassem a festa tirando fotos e selfies com seus celulares. E só às duas da manhã Glamurama percebeu que o próprio aniversariante estava posando para um selfie a pedido de um convidado.

Na mesa do bolo, doces bem simples como cocadinha e bicho-de-pé e muitas frutas, que os convidados podiam levar para casa em uma sacola no fim da noite. Glamurama amou a ideia – e a organização impecável by Claudio Gomes e Gustavo Dantas. Para fechar, na hora do parabéns, em um discurso emocionado, Giovanni contou como venceu a dislexia e lembrou um a um os professores que deram aula para ele, e de todos os amigos mais próximos do Rio, de São Paulo, Milão e Nova York. Inesquecível! Confira a galeria com detalhes que só a gente viu!