14.09.2019  /  9:00

Para quem não dispensa aventura com boas doses de exotismo, o Vietnã é o destino certo. Confica as dicas!

Os melhores spots do Vietnã // Reprodução

Está pensando nas próximas férias? Quer um destino diferentão? Nossa dica é o Vietnã, um país com múltiplas possibilidades. Da capital Hanói a Ho Chi Minh, assim como as ruas iluminadas por lanternas de Hoi An, tudo muda rapidamente por lá. Há plantações de chá, fazendas de café, baías deslumbrantes, cavernas e praias… Tudo com a pitada de exotismo que um destino asiático pede. Isso sem falar na culinária local, uma das mais famosas do mundo. Para quem não dispensa uma boa aventura, selecionamos algumas experiências incríveis diretamente do Vietnã. Anote e boa viagem:


Acenda uma lanterna em Hoi An
Um dos destinos mais bonitos da Ásia, Hoi An é um festival para os olhos. Mas nada é mais incrível do que o Festival das Lanternas da Lua Cheia. Neste evento que acontece todos os meses, a cidade apaga suas luzes para milhares de lanternas coloridas iluminem suas ruas e o rio Thu Bon. Para participar basta comprar uma lanterna de papel e uma vela, acender e colocar na corrente do rio acompanhada de desejos de felicidade e sorte.

Uma imagem surreal
Duas mãos gigantes de concreto surgem em meio às árvores para segurar uma ponte dourada. Essa é a mais recente atração do Vietnã. Projetada para fazer com que os visitantes se sintam passeando por um fio cintilante amparado pelas mãos dos deuses, a “Ponte Dourada” atrai milhares de turistas desde que foi inaugurada em Ba Na Hills, perto de Danang.

O melhor Pho em Hanói
Comer Pho, caldo bem temperado com noodles e carne, considerado o prato nacional do Vietnã, é programa obrigatório. E é em Hanói que com certeza está o melhor restaurante para isso. Mas o desafio é procurar. Encravados entre grandes edifícios coloniais franceses no bairro antigo, os melhores restaurantes- geralmente os mais despretensiosos. Aqui vão algumas dicas: o Pho Gia Truyen ou Pho Thin.

Expresso da Reunificação
Pode não ser a maneira mais rápida de se locomover, mas o Reunification Express (oficialmente conhecido como Ferrovia Norte-Sul) é certamente o mais panorâmico. Esta linha ferroviária de 1700 quilômetros de extensão vai de Hanoi até Ho Chi Minh, passando por paisagens incríveis e pontos de referência ao longo de uma viagem de 35 horas. São oferecidas opções diferentes de cabines, incluindo leitos para quem quer fazer o trajeto todo. Normalmente os viajantes sobem e descem do trem em um percurso que pode durar vários dias para explorar as paisagens naturais e as cidades históricas. Alguns dos destaques incluem a Reserva Natural Van Long, em Ninh Binh, onde ficam magníficos arrozais e cenários de calcário, a antiga cidade imperial de Hue e a cidade litorânea de Nha Trang, na costa central.

Tour aéreo pela Baía de Halong
A Baía de Halong é um dos destinos mais famosos e impressionantes do Vietnã, e é fácil entender por que.
Em pleno mar verde esmeralda brotam centenas de ilhas de calcário e cavernas misteriosas. E a maioria dos viajantes percorre o spot de barco, em um cruzeiro, mas agora dá para ver a paisagem de outro ponto de vista: de helicóptero. Lançado no início deste ano, um passeio de helicóptero permite conferir tudo do alto, em diferentes passeios, de oito a 40 minutos, que sobrevoam as muitas ilhas, praias e vilas de pescadores da baía. Também é recomendada uma passada nas baías de Bai Tu Long ou Lan Ha – vizinhos menos conhecidos de Halong – onde você pode andar de caiaque, nadar e caminhar por praias quase desertas.

 

Dia de praia em Phu Quoc
Se você está atrás de sombra e água fresca, o destino certo é a “Ilha das Pérolas”. Localizado no Golfo da Tailândia, na costa sudoeste, Phu Quoc promete dezenas de praias de todos os tamanhos e tons. Entre elas, Sao Beach é uma das melhores do Vietnã, por conta de suas águas claras, palmeiras e areia branquíssima. Ong Lang, na costa oeste, é mais selvagem. Para curtir o pôr do sol, garanta um bom lugar em Long Beach para curtir o momento regado a cerveja gelada e música ao vivo.

Navegue pelo Mekong
O Mekong, 12º rio mais longo do mundo, é a força vital do sudeste da Ásia há milênios. Ainda hoje, é cercado por vilas de pescadores e arrozais, mercados e antigas cidades imperiais. Ideal para quem prefere viajar em um ritmo mais lento, um cruzeiro no rio Mekong dá acesso a comunidades rurais escondidas e atrações naturais de difícil acesso. A partir da cidade de Hoi Chi Minh, têm cruzeiros de cinco a 18 dias pelo lado sul do Vietnã, passando por Phnom Penh e Siem Reap, no Camboja, e até Luang Prabang, Laos, se o tempo permitir.

A maior caverna do mundo
Não é todo dia que você tem a chance de explorar a maior caverna do mundo. A dica? Uma expedição de quatro dias liderada pela empresa de turismo de aventura Oxalis. Son Doong tem mais de cinco quilômetros de comprimento e 200 metros de altura – grande o suficiente para acomodar um arranha-céu de 40 andares. Por conta disso, oferece inúmeros tesouros naturais, de estalagmites de 262 pés de altura a rios subterrâneos, espécies únicas, enormes paredes de rocha e até sua própria selva.

Pedale pelas ruínas antigas de Hue
Hue foi a capital imperial durante a dinastia Nguyen (1802-1945), e por isso um dos melhores lugares do Vietnã para admirar a arquitetura antiga. O destaque é o Complexo de Monumentos Hue – uma fortaleza murada às margens do Rio Perfume, que abriga templos antigos, túmulos reais e inúmeros pagodes. Dado o tamanho do complexo, uma das maneiras mais legais ​​de explorar é de bicicleta. Começando a expedição logo cedo, os viajantes podem pedalar pelos canais, tomar café e curtir a grandiosidade da cidadela interna, das paredes externas e dos muitos altares antes que a multidão chegue.