15.07.2020  /  9:50

Para garantir tranquilidade em mudança, Matt Damon manda fechar rua inteira de NY

Matt Damon e a fachada do The Standish || Créditos: Reprodução

Existem celebridades “espaçosas”, e existe Matt Damon, que na última terça-feira providenciou o fechamento de uma rua inteira do Brooklyn Heights, o bairro mais hypado de Nova York no momento, só para garantir sua mudança para uma cobertura triplex em um edifício local com toda a tranquilidade do mundo. Apesar do caos que impera na Big Apple por causa da pandemia de Covid-19, que atualmente conta com mais de 407 mil casos confirmados do novo coronavírus e 32.092 mortes causadas pela doença, aparentemente a prefeitura da cidade encontrou tempo para atender o pedido do ator de 49 anos de ter uma rua nova-iorquina inteira para chamar de sua, ainda que por apenas algumas horas.

Como Glamurama contou em 2018, Damon desembolsou US$ 16,7 milhões (R$ 88,6 milhões) pela penthouse de um antigo hotel do Brooklyn Heights projetado por Frank S. Lowe e construído em 1903, o The Standish, que foi transformado em condomínio de luxo. Naquela época o valor foi o mais alto até então pago por um imóvel residencial no bairro, que já foi um dos patinhos feios de NY mas hoje em dia é reduto de famosos – também moram lá Anne Hathaway, Emily Mortimer, Norah Jones, Ethan Hawke e o casal Rachel Weisz e Daniel Craig.

Voltando à mudança de Damon, que atualmente mora no East Village e evidentemente pagou para que suas caixas fossem carregadas, o que mais causou transtorno na vizinhança foi o uso de um senhor guindaste com a mesma altura do novo endereço dele, um prédio com 14 andares, usado para transportar os móveis do astro da franquia “A Identidade Bourne” que não couberam no elevador. A “operação” envolveu dezenas de profissionais, e por sorte não resultou em nenhum estrago na fachada do The Standish, que é toda de pedra calcária do tipo que nem é mais fabricada. (Por Anderson Antunes)

A rua onde fica o novo endereço do ator || Créditos: Reprodução