04.11.2020  /  10:39

Pai de Lady Gaga declara apoio a Trump dias depois do político atacar a popstar em comício

Joe Germanotta e Lady Gaga
Joe Germanotta e Lady Gaga || Créditos: Reprodução

Notória opositora de Donald Trump, que já teve entre seus fãs mais famosos, Lady Gaga acordou nessa quarta-feira com a notícia de que Joe Germanotta, o pai dela, declarou apoio ao presidente dos Estados Unidos e candidato à reeleição no cargo bem na véspera, e apenas dias depois de o político desacreditá-la publicamente por seu apoio a Joe Biden, o democrata que ele enfrenta nas eleições presidenciais americanas desse ano.

Na noite de terça-feira, enquanto os americanos aguardavam ansiosos para saber quem será eleito seu próximo comandante em chefe, Germanotta postou simplesmente o nome de usuário de Trump no microblog (@realDonaldTrump) ao lado de “2020”, o que foi imediatamente entendido como uma declaração de que o voto dele foi para o republicano.

Cerca de uma hora depois dessa postagem, o patriarca dos Germanottas fez outro tuíte. “Você deve ter notado que minhas crenças políticas e espirituais são diferentes. Liberdade e liberdade de escolha não seriam [questões] políticas”, ele completou em tom de mistério, sem citar nomes ou ser mais direto sobre o que estava falando.

Na segunda, durante um comício que fez em uma cidade da Filadélfia, Trump mencionou Gaga – que naquele momento participava de um evento da campanha de Biden em Pittsburgh, na Pensilvânia – e chegou a dizer que sabia de coisas a respeito da superstar que poderiam chocar o grande público. “Eu sei de tantas histórias que poderia contar a vocês”, disse o atual morador da Casa Branca. (Por Anderson Antunes)

*

Abaixo, o tuíte de Germanotta no qual ele declara apoio a Trump: