09.08.2016  /  18:10

Pai de atirador da boate de Orlando vai a comício de Hillary Clinton

hillary-tamanho
Sedddique Mateen na plateia de comício de Hillary Clinton realizado nessa segunda-feira || Créditos: Reprodução/Getty Images

A campanha presidencial nos Estados Unidos esquentou ainda mais nesta terça-feira com a notícia de que o pai de Omar Mateen, atirador responsável pelo ataque há quase dois meses na boate Pulse, de Orlando, era um dos presentes em um comício realizado por Hillary Clinton na noite desta segunda-feira na Flórida. O flagra foi feito pelo canal WPTV, afiliada da rede de televisão CBS no estado americano.

Sedddique Mateen chegou a conceder entrevistas após o comício, nas quais disse apoiar Hillary em sua corrida pela Casa Branca porque ela “é a melhor opção para a segurança dos americanos”. Ao saber disso, os assessores da candidata afirmaram que não estavam cientes da presença dele e lembraram que o comício era aberto ao público.

O caso é o assunto do momento nos principais canais de TV e sites de notícias dos Estados Unidos, superando até mesmo a cobertura da Rio 2016, e coincide com a divulgação de uma pesquisa da rede NBC na qual Hillary ampliou sua vantagem sobre Donald Trump em mais de dez pontos porcentuais: se as eleições fossem hoje, ela teria 51% dos votos. (Por Anderson Antunes)