01.09.2019  /  7:30

Os motivos pelos quais amamos Lily Tomlin na pele de Frankie de “Grace and Frankie”

Lily Tomlin || Créditos: Getty Images

Não é qualquer mulher que pode se dar ao luxo de chegar aos 80 anos fazendo sucesso em Hollywood. Mas Lily Tomlin – que completa a idade de ouro nesse domingo – chegou lá. Na ativa desde o começo dos anos 1960, quando começou a se aventurar como comediante de stand-up no circuito “off-Broadway” de Nova York, Tomlin estreou na telona pelas mãos de Robert Altman (em “Nashville”, de 1975, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante) e nunca mais parou de trabalhar.

Com vários papéis icônicos no currículo, a estrela viveu um dos melhores momentos de sua carreira em 1980, quando estrelou a comédia “Como Eliminar Seu Chefe” ao lado de Dolly Parton e Jane Fonda. Ao lado dessa última, a veterana voltou a brilhar em 2015 na sitcom “Grace and Frankie”, que a colocou no mapa do showbiz novamente em uma espécie de revival dos velhos tempos com direito a indicação ao Emmy e tudo.

Na produção da Netflix, que já tem uma nova temporada no forno e prevista para ser lançada no começo de 2020, Tomlin interpreta Frances “Frankie” Bergstein, uma professora de arte riponga que foi pensada especialmente para ela pela criadora da série – Marta Kauffman, a mesma por trás de “Friends”, outro hit da telinha que fez sucesso nos anos 1990 e 2000.

Como Glamurama é fã de carteirinha das duas – Tomlin e Frankie, claro – a gente aproveita a deixa do aniversário da atriz para listar alguns dos motivos pelos quais a amamos na atração. Continua lendo… (Por Anderson Antunes)

*

Frankie não perde o amigo e muito menos a piada

Super relax, Frankie é daquele tipo de pessoa que raramente se envolve em brigas, mesmo quando precisa dividir o mesmo teto com alguém que a princípio não curte muito… Mas, quando eventualmente bate boca com alguém, ela sempre usa o bom humor para fazer valer suas posições e, na maioria das vezes, costuma ter razão.

*

Se estressar pra que mesmo hein?

Aliás, falando nesse lado mais relaxado de Frankie, ela também não se estressa por pouca coisa, mesmo quando se depara com o que para muitas pessoas poderia ser um problemão. Tipo lidar com imprevistos de trânsito e ficar sem carro. Nesse caso, é só chamar um táxi e pronto, não é mesmo?

*

Comer sem culpa é com ela mesmo

Enquanto Grace (Jane Fonda) prefere afogar as mágoas com bebidas, Frankie (que, convenhamos, também não dispensa um bom drink de vez em quando…) prefere as comidinhas. Se for junkie food, então, melhor ainda. E olha que ela não faz isso só quando está triste, não! Basta surgir a vontade.

*

Ser convencional não está em sua cartilha

Frankie é desbocada, mas no melhor dos sentidos. Qualquer situação comum do dia a dia ao lado dela se torna um evento, porém nem sempre pelos melhores motivos… Que o diga Grace, que já passou poucas e boas por causa das “pérolas” que a bff solta de vez em quando em lugares públicos, atraindo todos os olhares.

*

Não tem tempo ruim com ela

Com Frankie a vida é uma comédia 24h por dia. E olha que ela costumava gravar videozinhos diários pra deixar registrado como estava se sentindo que comprovam isso. “Acho que engordei meio quilo hoje”, disse certa vez em um. “Mas deve ter sido meio quilo que ganhei de conhecimento”. Tem como não amar?