08.04.2019  /  8:37

O retorno de Lady Gaga à telona já está sendo negociado e poderá render quase R$ 40 mi para a cantora

Lady Gaga poderá atuar na adaptação para a telona do musical da Broadway || Créditos: Wikimedia Commons

O retorno de Lady Gaga à telona está prestes a ser oficializado. É que de acordo com o que se comenta em Hollywood, a cantora e atriz está perto de assinar o contrato para estrelar a adaptação cinematográfica do musical da Broadway “Wicked”, um projeto que está em desenvolvimento há anos e tem previsão de estreia para 2021. Rumores dando conta disso já tinham circulado na mídia no ano passado, mas agora parece que a coisa é mesmo pra valer. O papel dela seria o da bruxinha Elphaba, a “rancorosa” do título.

Um dos maiores hits dos palcos em todos os tempos, “Wicked” – que é baseado no livro homônimo de Winnie Holzman e tem letra e música assinados por Stephen Schwartz -, bateu a marca de US$ 1 bilhão (R$ 3,87 bilhões) em ingressos vendidos no começo de 2016, mesma época em que entrou em cartaz no Brasil pela primeira vez. Tamanho sucesso sempre despertou o interesse de produtores de cinema, que sonhavam em repetir essas cifras em salas de exibição mundo afora.

Gaga, por sua vez, teria se encantado com a chance de interpretar a personagem de uma história que aborda, entre outras coisas, o bullying, algo que sempre combateu. E tem mais: graças ao Oscar de Melhor Canção Original que levou em fevereiro por “Shallow”, tema de “Nasce Uma Estrela”, a cantora conseguiu negociar um salário na casa dos US$ 10 milhões (R$ 38,7 milhões). É menos do que ela embolsa com suas turnês, mas o suficiente para colocá-la entre as profissionais da sétima arte mais bem pagas da categoria. (Por Anderson Antunes)